Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Mundo

Peixe do 'fim do mundo' é encontrado em praia da República Dominicana

Entenda a lenda urbana do peixe do fim do mundo, encontrado nesta semana por banhistas no litoral da República Dominicana

Redação Publicado em 30/11/2023, às 19h25 - Atualizado às 19h44

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Imagem do peixe-remo, registrada por banhistas - Reprodução/Vídeo/X/@dominicannewsn
Imagem do peixe-remo, registrada por banhistas - Reprodução/Vídeo/X/@dominicannewsn

Na última segunda-feira, 27, banhistas que estavam na praia de Los Coquitos, na província de Monte Cristi, foram surpreendidos por uma criatura gigante. O peixe-remo, ou peixe do fim do mundo, pode medir até cinco metros de comprimento e protagoniza uma lenda urbana japonesa. 

A presença do animal, que assustou as pessoas que frequentavam a praia na República Dominicana, está ligada a atividade sísmicas no fundo dos oceanos, segundo lendas japonesas. 

Conforme repercutido pelo portal O Globo, com informações da Rede Dominicana de Notícias, uma vez retirado da água, o peixe foi fatiado e distribuído entre os moradores da região. Partes do peixe do fim do mundo foram cozidas e refrigeradas para refeições. 

Mesmo com sua pele frágil e macia, animais desta especie estão acostumados a habitar partes do oceano que registram pressões elevadas, entre 200 a 3.200 metros abaixo do nível do mar.

Lenda urbana

Mesmo que sem respaldo científico, os japoneses acreditam que os peixe-remo indicam a chegada de terremotos ou tsunamis. Esta lenda urbana ressurgiu em 2011, durante um tsunami na ilha de Honshu, localizada na costa do Pacífico, quando uma animal dessa espécie apareceu na região, após anos sem ser avistado.

Além disso, o mito afirma que o peixe, tido como “mensageiro” do “palácio do deus do mar” habita as águas profundas que cercam uma ilha japonesa, e seu ressurgimento é o responsável pelos terremotos. 

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!