Notícias » Família Real Britânica

Príncipe Harry pode atrasar retorno para os Estados Unidos, diz imprensa britânica

A esposa de Harry, Meghan Markle, permanece nos EUA e está grávida; mas o motivo para a possível decisão do príncipe teria relação com sua avó, a rainha. Entenda!

Penélope Coelho Publicado em 19/04/2021, às 08h10

Meghan, Harry e Elizabeth durante evento em 2018
Meghan, Harry e Elizabeth durante evento em 2018 - Getty Images

De acordo com informações do jornal britânico MetroUK, publicadas nesta segunda-feira, 19, pela revista Monet, o príncipe Harry pode estender sua estadia no Reino Unido. Sabe-se que o homem saiu dos Estados Unidos com destino à Inglaterra para o funeral de seu avô, o príncipe Philip, a cerimônia aconteceu no último sábado, 17.

Segundo revelado na publicação, fontes próximas à monarquia afirmaram que existe a possibilidade que Harry fique com sua família até o aniversário de 95 anos da rainha Elizabeth II, em 21 de abril.

De acordo com o jornal britânico, as fontes revelaram que conversas do Duque de Sussex com seus familiares trouxeram à tona a vontade de permanecer em sua terra natal por um tempo um pouco maior. Segundo a reportagem, Harry teria conversado com seu irmão príncipe William e com seu pai, príncipe Charles.  

O funeral de Philip — que faleceu em 9 de abril, aos 99 anos — foi o primeiro evento público em que Harry esteve ao lado de seus parentes após a bombástica entrevista que ele e sua esposa, Meghan Markle, concederam à apresentadora Oprah Winfrey.

Na ocasião, o casal afirmou que o filho deles, Archie, de 1 ano de idade, foi vítima de racismo por parte de um membro da realeza que não teve o nome divulgado. Sabe-se que Meghan, por sua vez, não compareceu à cerimônia de despedida do duque de Edimburgo, já que está grávida e foi aconselhada por seus médicos a não viajar.


Sobre Elizabeth II

A Rainha Elizabeth IIé uma das figuras mais icônicas da atualidade — e da História. Com quase uma centena de anos, aos 94 anos, ela é a monarca que está ocupando a mais tempo o trono do Reino Unido e de mais 15 estados independentes.

Quando a Segunda Guerra Mundial se iniciou, Elizabeth tinha apenas 13 anos de idade. Já nos estágios finais do conflito, a futura rainha, na época com 19 anos, decidiu atuar no serviço militar britânico, como motorista e mecânica.

14 primeiros-ministros já acompanharam a monarca no poder da Grã-Bretanha ao longo de sua extensa vida. Com quase um século de vida, Lilibeth já presenciou diversos momentos históricos marcantes como a Segunda Guerra Mundial e a Corrida Espacial.