Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Oscar

A reação da primeira indígena americana indicada ao Oscar de melhor atriz

Lily Gladstone, atriz indígena de 'Assassinos da Lua das Flores', fez história ao ser indicada ao Oscar de melhor atriz

por Thiago Lincolins

tlincolins_colab@caras.com.br

Publicado em 24/01/2024, às 10h40

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Lily Gladstone em 'Assassinos da Lua das Flores' - Divulgação
Lily Gladstone em 'Assassinos da Lua das Flores' - Divulgação

Com a revelação dos filmes e atores indicados ao Oscar 2024, um nome fez história na última terça-feira, 23. A atriz Lily Gladstone agora é a primeira indígena americana a ser indicada a categoria de melhor atriz por sua brilhante interpretação como Mollie Burkhart, em 'Assassinos da Lua das Flores'. 

Baseado em uma história real mais atual que nunca, o filme retrata os brutais assassinatos de membros da nação indígena Osage. Ao lado de Oppenheimer, filme sobre o criador da bomba atômica, 'Assassinos da Lua das Flores' se destacou na lista de indicados. 

Antes de Mollie, Keisha Castle-Hughes e Yalitza Aparicio foram indicadas na categoria da premiação, no entanto, a atriz do filme de Martin Scorsese fez história como primeira atriz indígena dos Estados Unidos a ser indicada na categoria de destaque. 

Durante entrevista ao Entertainment Weekly, Lily Gladstone afirmou que essa conquista deveria ter acontecido muito antes, com outras atrizes indígenas. 

"É incrível, e uma grande parte de mim só quer dizer que não deveria ter sido eu. Isso deveria ter acontecido há muito mais tempo. Dividi a tela deste filme com Tantoo Cardinal, que é do Canadá, mas essa é uma fronteira que passou por muitos de nós. Cresci assistindo apresentações de Sheila Tousey, com quem tive a sorte de dividir o palco em determinado momento da minha carreira", explicou a atriz ao Entertainment Weekly. "Seu trabalho em Thunderheart , eu sinto que depois disso, ela deveria ter aparecido em todos os filmes e indicada para tudo. Não há atriz viva que supere o talento de Sheila. Ela é uma das verdadeiras grandes". 

Mulheres históricas

Gladstone também citou a atriz Keisha Castle-Hughes, primeira a ser indicada na categoria. 

"É incrível que isso tenha acontecido e demorou um pouco. Lembro-me de quando Keisha Castle-Hughes foi indicada para Whale Rider e lembro de como me senti ao ver essa atriz incrível, a mais jovem e primeira indígena indicada na categoria, contar essa história", explicou ela. "Isso parecia tão universal e tão próximo da minha educação, da minha relação com a minha terra, com a minha família, com o meu pai, com a minha língua, tudo isso. Foi incrível ver sua representação e parece uma verdadeira honra". 

Além disso, a atriz destaca que essa conquista também pertence às nações Osage, Blackfeet e Nez Perce. "Sempre digo isso, mas não é totalmente meu. Pertence a tantas pessoas: a Nação Osage, a Nação Blackfeet, a Nação Nez Perce, todos os atores indígenas em cujos ombros estou. É circunstancial que eu seja o primeiro, e estou muito grato. Só sei que não serei o último, nem de longe", destacou. 

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!