Notícias » Rússia

Rússia: Opositor Alexei Navalny é internado e porta-voz cogita envenenamento

O ativista passou mal em um voo enquanto ia da Sibéria para Moscou e logo foi hospitalizado

Penélope Coelho Publicado em 20/08/2020, às 09h11

Alexei Navalny em 2017
Alexei Navalny em 2017 - Wikimedia Commons

Nesta quinta-feira, 20, Alexei Navalny — o homem considerado líder da oposição russa — foi internado em estado de saúde grave, em um hospital localizado na Sibéria e agora está na UTI. As informações são da agência de notícias AFP.

De acordo com a publicação, Navalny demonstrou sinais de que não estava bem quando estava em um avião a caminho de Moscou, capital da Rússia. Segundo sua porta-voz, Kira Yarmysh, o homem começou a transpirar e perdeu a consciência após uma ida ao banheiro. A aeronave precisou fazer um pouso de emergência em Omsk.

De acordo com a equipe do ativista, Alexei foi vítima de um envenenamento, em decorrência de suas ações políticas. Yarmysh afirmou que acredita que o homem tenha sido envenenado com algo misturado no chá que ele tomou no aeroporto: "Foi a única coisa que bebeu durante a manhã. Os médicos afirmam que o veneno foi absorvido rapidamente através do líquido quente", disse a porta-voz.

Atualmente, os médicos analisam várias hipóteses, inclusive a de que o opositor russo tenha sido envenenado, contudo, nenhuma informação precisa sobre isso foi divulgada até o momento.

Em entrevista para a Associated Press, Anatoliy Kalinichenko, um dos responsáveis pelo hospital em que Navalny está internado afirmou que embora o estado de saúde do homem seja consideravelmente grave, ele está estável.