Notícias » Entretenimento

Site da Coreia do Norte fala sobre Round 6: ‘Triste realidade da bestial sociedade sul-coreana'

A produção da Coreia do Sul é um dos maiores sucessos da Netflix

Penélope Coelho Publicado em 13/10/2021, às 14h23

Cena do seriado 'Round 6'
Cena do seriado 'Round 6' - Divulgação/Netflix

Recentemente, um site de propaganda Coreia do Norte divulgou a visão do país a respeito do seriado original Netflix, Round 6. A produção sul-coreana lançada em meados de setembro já é um dos maiores sucessos da plataforma de streaming.

Na nota divulgada pelo portal Arirang Meari, é dito que o seriado retrata a Coreia do Sul com a "triste realidade da bestial sociedade sul-coreana" e ainda afirma que "a corrupção e os canalhas imorais são comuns".

De acordo com informações do jornal O Globo, publicadas nesta quarta-feira, 13, as observações teriam sido realizadas por críticos de cinema que não se identificaram.

"O público assistiu ao drama de TV que se passa em uma sociedade sul-coreana com grande desigualdade econômica. É a atual sociedade sul-coreana, onde o número de perdedores em uma competição acirrada como empregos, imóveis e ações aumenta dramaticamente", pontuou o artigo.

Sabe-se que anteriormente, o líder norte-coreano Kim Jong-Un havia proibido a exibição de produções da Coreia do Sul em seu país, chamando a cultura da nação asiática de “câncer perverso”.


Saiba mais sobre ‘Round 6’ 

Dirigida por Hwang Dong-hyuk, ‘Round 6’ acompanha a trajetória de um grupo de 456 pessoas que aceitaram um convite para participarem de uma competição que promete tornar o vencedor bilionário.  

As disputas são adaptações de brincadeiras infantis típicas da Coreia do Sul. No entanto, os competidores não são avisados que, caso percam as provas, precisarão pagar com a própria vida — o que tornam os jogos um intenso combate sangrento.