Notícias » Estados Unidos

Trump descumpre recomendações após realizar comício em local fechado

O evento aconteceu no estado norte-americano de Nevada e gerou desconforto nas autoridades locais

Penélope Coelho Publicado em 14/09/2020, às 09h43

Fotografia de Donald Trump
Fotografia de Donald Trump - Getty Images

No último domingo, 13, o atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, realizou mais um comício que visa sua reeleição. O evento aconteceu em Henderson, Nevada, e gerou polêmicas já que foi realizado em um local totalmente coberto. Isso porque o episódio vai contra as recomendações de especialistas que alertam para que aglomerações em ambientes fechados sejam evitadas. As informações são da agência de notícias AFP e foram divulgadas pelo portal UOL.

De acordo com a publicação, na ocasião, além de fazer duras críticas ao seu oponente Joe Biden, Trump elogiou o próprio governo quando abordou a maneira com que lidou com a pandemia do novo coronavírus, que nos Estados Unidos fez 194 mil vítimas fatais.

"Fizemos um trabalho maravilhoso. Não estão nos dando nenhum crédito pelo trabalho que fizemos", afirmou o presidente, que completou dizendo que sua liderança "salvou milhões de vidas”.

Através das redes sociais, o governador de Nevada, Steve Sisolak, criticou a realização do comício em local fechado: "Esta noite, o presidente Donald Trump está tomando ações imprudentes e egoístas que colocam em risco inúmeras vidas aqui em Nevada”.

 

Segundo a reportagem, um alerta de que o evento violaria as regras de distanciamento social já havia sido emitido anteriormente: “A cidade de Henderson enviou uma carta e um aviso verbal ao organizador do evento de que o evento, conforme planejado, violaria diretamente as diretrizes de emergência do governador para a covid-19", disse a porta-voz local, Kathleen Richards.

A equipe do presidente por sua vez, afirmou que durante o evento os participantes teriam suas temperaturas verificadas antes de entrarem e também iriam receber máscaras.