Notícias » Brasil

Vítima fala sobre violentos assaltos em bancos de Araçatuba: 'Apontaram AK 47 na minha cara'

Os moradores da região puderam ouvir sons de tiro durante a madrugada e alguns até gravaram as cenas de suas janelas. Confira!

Ingredi Brunato, sob supervisão de Pamela Malva Publicado em 30/08/2021, às 18h00

Imagem meramente ilustrativa
Imagem meramente ilustrativa - Divulgação / Pixabay / Skitterphoto

No município de Araçatuba, localizado no interior de São Paulo, um grupo de criminosos assaltou diversos bancos na madrugada desta segunda-feira, 30, e abordou pedestres e motoristas drante sua fuga para fazê-los de reféns. A notícia foi divulgada pelo UOL. 

A gente estava voltando de uma festa em carro. Achamos que era blitz. Pararam carro, tive que mostrar minha barriga, me jogaram no chão, jogaram a gente dentro de uma caminhonete, sequestraram a gente", relatou um homem que esteve entre os reféns em uma entrevista à Globonews. 

"A gente foi rezando o caminho todo. Pararam a gente no banco, apontaram a arma na minha cara várias vezes. Estavam muito armados. Apontaram R15, AK 47 na minha cara. Eu tive que implorar pela minha vida, buscar ajuda", completou a vítima. 

Ainda de acordo com a Globonews, o episódio deixou um saldo de três mortos (incluindo um dos bandido) e quatro feridos. Outra tática da quadrilha foi a instalação de explosivos pela cidade. No total, os oficiais encontraram e desativaram 14 deles.

Em razão da violência ocorrida durante a madrugada, a prefeitura de Araçatuba decidiu suspender as aulas nas escolas municipais. Atualmente, esforços envolvendo tanto a Polícia Militar quanto a Civil estão buscando pelo paradeiro dos criminosos. 

A quantidade de dinheiro roubada durante os assaltos aos bancos, contudo, ainda não foi divulgada ao público. Veja um vídeo que registrou o assustador ocorrido abaixo: