Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Matérias / Segunda Guerra Mundial

A propaganda que gerou o mito das cenouras que davam ‘visão noturna’ para soldados

Em uma operação de propaganda interna, os ingleses criaram uma notícia falsa histórica durante a Segunda Guerra

Wallacy Ferrari

por Wallacy Ferrari

wferrari@caras.com.br

Publicado em 11/04/2023, às 16h53 - Atualizado em 16/11/2023, às 15h10

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Propaganda associa combatente com suposta vantagem ocular proporcionada pelo consumo de cenouras - Domínio Público / National Archives and Records Administration
Propaganda associa combatente com suposta vantagem ocular proporcionada pelo consumo de cenouras - Domínio Público / National Archives and Records Administration

Durante a Segunda Guerra Mundial, a Inglaterra encarou uma grande ameaça de bombardeios da aviação alemã. Para combater essa ameaça, a inteligência britânica desenvolveu uma estratégia surpreendente que ajudou a proteger a população britânica.

Com a intenção de enganar os alemães, a inteligência britânica espalhou boatos de que os pilotos britânicos tinham olhos aguçados e habilidades excepcionais de visão noturna, o que lhes permitia detectar aviões inimigos com maior facilidade. O segredo por trás dessa habilidade especial, contudo, era atribuído ao consumo regular de cenouras. Isso mesmo.

Rica em nutrientes importantes para a saúde, como as vitaminas A, K e C, a cenoura também contém antioxidantes, como o beta-caroteno, que ajudam a proteger o corpo contra os danos dos radicais livres.

Além disso, a cenoura é conhecida por ser benéfica para a saúde ocular, devido ao alto teor de vitamina A, como informou o centro MS Visão. Mesmo assim, não seria suficiente para dar a vantagem de 'visão noturna' nos confrontos aéreos.

Propagandas eficazes

A história foi amplamente divulgada na época, em meados da década de 1940, através de uma série de cartazes de propaganda espalhados por todo o Reino Unido. Eles apresentavam imagens de pilotos britânicos comendo cenouras e incluíam frases como “As cenouras mantêm você saudável e ajudam a enxergar no blecaute!”.

Propaganda ilustra suposta vantagem ocular ao consumir cenouras / Crédito: Domínio Público / Australian War Memorial

Além da suposta vantagem ocular, o governo britânico tinha um propósito secundário, como reportou o Atlas Obscura; dada a escassez de alimentos durante racionamentos de guerra, as cenouras ganharam destaque por serem baratas e de produção abundante, ganhando força em campanhas para seu consumo partindo de agências governamentais.

A campanha de propaganda foi um grande sucesso, iniciando o mito de que os pilotos britânicos eram, de fato, dotados de habilidades super-humanas, como informou o portal Smithsonian. Em resposta, os alemães tomaram conhecimento da massiva campanha interna para projetar a cenoura como uma salvação do povo britânico.

John Stolarczyk, então curador do World Carrot Museum, especializado na história das cenouras, relatou ao veículo que, não existem provas de que os alemães acreditaram na narrativa. 

Não existem evidências de que eles caíram nessa, exceto que o uso de cenouras para ajudar na saúde dos olhos estava bem enraizado na cultura alemã. [...] Existem histórias apócrifas de que os alemães começaram a alimentar seus próprios pilotos com cenouras, pois achavam que havia alguma verdade nisso”, disse ele.

A verdade da visão

O portal Atlas Obscura enaltece que a campanha massiva pelo consumo do alimento associou inclusive o piloto John Cunningham, apelidado de "olhos de gato", ao sucesso na detecção de aviões rivais. O Ministério da Aeronáutica informou que sua precisão partia de uma rica dieta de cenouras. Entretanto, o buraco era mais embaixo.

A verdadeira história por trás da 'habilidade de detecção noturna' dos pilotos britânicos tinha muito pouco a ver com cenouras e tudo a ver com tecnologia; na verdade, a inteligência britânica havia desenvolvido um radar sofisticado que permitia que seus pilotos detectassem aviões inimigos à noite.

Essa tecnologia secreta foi mantida em sigilo durante a guerra e a história da cenoura foi apenas uma distração bem-sucedida na guerra. No entanto, a campanha de propaganda da cenoura também foi eficiente para os civis, visto que ainda era um legume benéfico. Entretanto, ainda é lembrada como um exemplo de como a desinformação pode ser usada para manipular a opinião.

O mito da cenoura também inspirou uma série de piadas e histórias engraçadas, e a história de pilotos comendo cenoura se tornou um ícone cultural na Inglaterra. Em última análise, a história da cenoura é um lembrete importante de que a guerra envolve não apenas o uso da força militar, mas também o uso da propaganda e da inteligência para enganar e manipular o inimigo.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!