Matérias » Estados Unidos

Diogo Fernandes de Oliveira, o brasileiro que morreu ao tentar pular o muro da fronteira dos EUA

Em dezembro de 2020, o goiano que tinha o sonho de se estabelecer em outro país, foi surpreendido com um acidente fatal

Penélope Coelho Publicado em 11/02/2021, às 07h00

Fotografia de Diogo Fernandes de Oliveira
Fotografia de Diogo Fernandes de Oliveira - Divulgação / Instagram

No final do ano passado, o portal de notícias G1, relatou uma história que teve um trágico fim, trata-se da trajetória de um brasileiro chamado Diogo Fernandes de Oliveira, de 36 anos.

O homem nascido em Goiânia tinha o sonho de se estabelecer fora do país, mais especificamente nos Estados Unidos. Em entrevista para o G1, seus familiares contam que o brasileiro sonhava em prover uma vida melhor para seus parentes e para noiva.

Contudo, o administrador de empresas não imaginava que esse desejo de melhora acabaria custando sua vida.

 Autoridades norte-americanas fazendo patrulha na fronteira  / Crédito: Wikimedia Commons

 

Perseguindo o sonho

Segundo revelado na publicação, entre os anos de 2017 e 2019, Fernandes tentou por diversas vezes tirar o visto para conseguir entrar legalmente nos Estados Unidos, contudo, não obteve sucesso.

Já no ano de 2020, o brasileiro enfrentou problemas financeiros para manter seu emprego em meio à pandemia de Covid-19. A loja onde trabalhava como gerente foi fechada e o homem se viu em um triste cenário de desemprego.

O goiano passou a planejar uma viagem ilegal para os Estados Unidos em dezembro e contratou uma pessoa para ajudá-lo nesse plano, o chamado ‘coiote’.

Fernandes comprou uma passagem para Cancún, no México e estava decidido a atravessar a fronteira com o estado norte-americano do Texas. Nos Estados Unidos, amigos de Diogo — que vivem legalmente no país — aguardavam para acolhê-lo em sua chegada. Mas, isso nunca aconteceu.

Acidente fatal

Na tarde de 7 de dezembro de 2020, Oliveira estava prestes a realizar a perigosa travessia na fronteira do México para os EUA, quando decidiu mandar uma mensagem para seus familiares:

“Pai, vou fazer a travessia agora a noite, depois nos falamos. Beijos", escreveu o brasileiro, como informado pelo G1. Esse foi o último contato que os parentes tiveram com Diogo, pois, naquela noite algo terrível aconteceu.

Na tentativa de pular o muro que divide os países, o homem de 36 anos se desequilibrou enquanto usava uma corda para descer a grande parede de 4 metros de altura.

Após a queda, o viajante quebrou a bacia e bateu a cabeça com força no chão. Infelizmente, não resistiu aos ferimentos e faleceu por traumatismo craniano.

Fotografia do início da fronteira no estado do Novo México, a oeste de El Paso, no Texas / Crédito: Wikimedia Commons

 

Para conseguirem trazer o corpo de Diogo para o Brasil os familiares realizaram uma vaquinha on-line, com objetivo de juntar dinheiro para arcar com os custos do traslado até o país. O projeto de arrecadou US$ 12 mil dólares, cerca de R$ 64,5 mil, na conversão atual da moeda.

Como revelado pelo portal de notícias UOL, na segunda-feira, 8, dois meses após o acidente que levou a morte do brasileiro, o corpo de Diogo Fernandes de Oliveira chegou a São Luís de Montes Belos, em Goiás.

Oliveira foi enterrado no último domingo, 7, e seus familiares puderam finalmente se despedir do goiano, depois da infeliz tragédia.


+Saiba mais sobre o tema por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Crime Organizado, de Cleber Masson e Vinícius Marçal (2018) - https://amzn.to/36oYWxk

Crime Organizado, de Ana Flávia Messa e José Reinaldo Guimarães Carneiro (2020) - https://amzn.to/2WYtu6h

Crime Organizado e Organizações Criminosas Mundiais, de Ana Luiza Almeida Ferro (2009) - https://amzn.to/3cUMSXm

O Terrorismo do Crime Organizado: uma Análise da Macrocriminalidade Brasileira,de William Barbosa Pimentel da Silva (2020) - https://amzn.to/3cW3xd7

Crime Organizado: Origens, Desenvolvimento e Reflexos Jurídicos, de Ângelo Fernando Facciolli (2018) - https://amzn.to/2yws09W

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W