Matérias » Ufologia

Incidente de OVNI em Westall, o evento que chocou alunos e docentes em plena luz do dia

Apesar de permanecer mais de 50 anos sem resposta, o ocorrido é descrito como sendo um dos maiores casos de OVNIs da Austrália

Fabio Previdelli Publicado em 31/05/2020, às 14h00 - Atualizado às 17h00

Representação do Incidente de OVNI em Westall
Representação do Incidente de OVNI em Westall - Divulgação

A manhã daquele 6 de abril de 1966 parecia se iniciar como qualquer outra para os moradores da cidade australiana de Melbourne. Porém, o que muitos não esperavam é que por volta das 11h20, mais de 200 pessoas, entre alunos e professores, avistariam um objeto voador não identificado que os deixaria intrigados pelos restos de suas vidas.

Foi ali, próximo a um bosque de pinheiros em uma área conhecida como Grange, que agora é uma área de reserva natural, que um objeto misterioso partiu em direção ao noroeste, onde ficava o subúrbio de Calyton South, no estado de Vitória.

Naquele horário, estudantes e docentes da Westall High School estavam terminando uma atividade esportiva quando um objeto descrito com uma cor cinzenta com tons de roxo, que tinha um formato semelhante a um pires, apesar de ter o dobro do tamanho de um carro comum, foi supostamente avistado.

Apesar dessa ser a caracterização mais comentada, há versões, como a que o professor de ciências Andrew Greenwood relatou ao jornal australiano Dandenong Journal, que a nave parecia mais um disco prateado com detalhes verdes.

Capa do Dandenong Journal sobre o evento / Crédito: Divulgação

 

O que há de consenso entre as testemunhas é que o OVNI desceu em direção ao colégio e depois atravessou e sobrevoou o canto sudoeste da escola antes de desaparecer por trás de uma floresta que ficava próxima ao local.

O tempo de veneração do espetáculo desconhecido durou pouco mais de 20 minutos, segundo os estudantes alegaram, mas foi mais que o suficiente para chamar a atenção de todos que residiam por lá.

O caso foi relatado logo nas primeiras páginas do Dandenong Journal, que cobriu o evento e publicou duas histórias em suas laudas. A primeira delas foi divulgada no dia 14 de abril e a segunda no dia 21 daquele mês.

O avistamento também foi relatado na sexta página do The Age, em 7 de abril, que manchetou o caso como “Um objeto, como um balão, foi visto durante as aulas de ontem na escola de Westall”.

O periódico também relatou que um número pequeno de objetos foi visto orbitando em torno na figura central. Já o The Sun e o The Herald não mencionaram o incidente, mas publicaram cartoons de disco voadores.

Controversas e investigações

Para explicar o caso — ou abafá-lo —, uma agência de meteorologia relatou que, às oito horas daquela manhã, havia lançado um balão meteorológico. Os céticos usaram esse fato para argumentar que o vento poderia tê-lo levado até a escola, o que, em tese, explicaria todo o mistério.

Entretanto, isso não impediu que o episódio fosse investigado por dois grupos: o Victorian Flying saucer Research Society (VFSRS) e o Phenomena Research Australia (PRA). Ambas as equipes descreveram o avistamento como sendo um dos maiores casos de Óvnis da Austrália.

O time da VFSRS chegou na cidade dois dias após o suposto avistamento e colheu relatos de diversos alunos. Já o investigador Brian Boyle visitou o local um dia depois acompanhado com quatro investigadores do exército. Boyle fez uma série de entrevistas, todas registradas em uma fita de vídeo, e também tirou amostras de marcas do chão.

O playground comemorativo dos Óvnis em Westall / Crédito: Divulgação

 

Embora testemunhas tenham relatado cinco aeronaves em torno do objeto central, os pesquisadores jamais foram capazes de encontrar vestígios de tais objetos. Até mesmo um aeroporto local, que fica a menos de cinco quilômetros da área, foi investigado. Mas nenhuma aeronave adentrou o espaço aéreo a partir daquele lugar. A Real Força Aérea Australiana também não informou nenhuma atividade militar naquele espaço.

Mesmo sem respostas, o evento marca até hoje o imaginário popular de diversos Australianos. Em 2006, no dia 8 de abril, diversas testemunhas do ocorrido se reuniram no Westall Tennis Club Hall para comemorarem o 40º aniversário do incidente.


+ Saiba mais sobre ufologia por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Fire in the Sky: Based on the True Story, de Travis Walton (1996) - https://amzn.to/363rf4f

UFOs: OVNIs - Militares, pilotos e o governo abrem o jogo, de Leslie Kean (2011) - https://amzn.to/2WCs4gi

Óvnis: Uma história da atividade alienígena dos avistamentos às abduções até a ameaça global, de Rupert Matthews (2011) - https://amzn.to/2WwzX6I

Céus abertos, mentes fechadas: Pela primeira vez, um homem do governo, expert em óvnis, fala sobre o assunto, de Nick Pope (2011) - https://amzn.to/3chIAJh

O Enigma UFO: Conheça a Verdadeira História de OVNIS, ET´s, Alienígenas, Óvnis, Discos Voadores, Aliens, Abduções, Ufologia e a Agenda Secreta Para o Planeta Terra, de Steven Lawrence (Ebook) - https://amzn.to/35JxvOC

UFO - O Visitante Inesperado: Avistamentos de objetos voadores não identificados no Rio de Janeiro - Brasil, de Anderson Oliveira (Ebook) - https://amzn.to/35H6zyY

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W