Matérias » Personagem

O brutal caso Lorde Lucan: Um dos maiores mistérios do Reino Unido

Após uma briga judicial, Lucan cometeu um crime que escandalizaria. Teorias cercam o caso. Onde está Lorde Lucan?

Fabio Previdelli Publicado em 17/08/2019, às 10h00

None
- Crédito: Reprodução

Revoltado com uma decisão judicial que concedeu a guarda de seus três filhos à sua ex-esposa, um homem vai a casa de sua antiga companheira e com uma barra de chumbo desfere diversos golpes em sua cabeça.

O relato pode parecer mais um dos diversos casos de violência doméstica que presenciamos com certa frequência na sociedade atual. Entretanto, o desfecho desse crime brutal se tornou um dos maiores mistérios do Reino Unido. Afinal, o que aconteceu com Lorde Lucan?

Para entendermos melhor essa história, precisamos conhecer primeiro alguns pontos importantes.

Foto de Lorde Lucan / Crédito: Reprodução

 

O título de Lorde de Lucan é uma condecoração pariata – sistema de denominações da aristocracia usado em muitos sistemas de governo – que até hoje foi possuído por duas famílias irlandesas. O sétimo Lorde de Lucan foi Richard John Bingham, nascido em dezembro de 1934, que se tornou o mais famoso entre eles devido ao crime cometido.

Lorde Lucan foi casado com Verônica Duncan. Eles se conheceram em um evento de golfe, no início de 1963. A relação dos dois foi meteórica, poucos meses depois eles noivaram e o casamento ocorreu em novembro do mesmo ano.

O casamento se mostrava ser como o de qualquer outro casal. Tiveram três filhos, o garoto George e as meninas Frances e Camila. Tudo parecia estar em perfeita harmonia, até que os planos foram interrompidos. 

Foto de casamento de Lord Lucan e Verônica Duncan / Crédito: Reprodução

 

O crime

Depois de algum tempo, o relacionamento começou a ter suas oscilações, até que um dia chegou ao fim. Com o término da união, se iniciaram as brigas judiciais. Em 1974, o Lorde havia perdido a guarda dos filhos para a esposa. E a decisão não foi bem aceita por ele.

Na noite de 7 de novembro de 1974, Lucan foi para a casa de sua antiga companheira com a intenção de colocar um ponto final na disputa. A mulher se encontrava no porão da casa, local pouco iluminado, mas que se tornaria a cena perfeita para o grande ato final. Com uma barra de chumbo em suas mãos, aplicou diversos golpes na cabeça dela, que pega desprevenida, não conseguiu se defender.

Ali o corpo caia sem vida no chão, ali Lorde Lucan entendia o tamanho de seu erro. O cadáver estendido ao solo não era de sua esposa, mas sim da babá de seus filhos, Sandra Rivett. O sangue já escorria em suas mãos, mas o desejo de vingança permanecia em suas veias. Ele foi à procura de Verônica, que mesmo sendo atacada, conseguiu fugir para um pub próximo.

O assassino desapareceu. Seu destino permanece um mistério até hoje.

Sandra Rivett, babá dos filhos do Lorde / Crédito: Reprodução

 

Lorde Lucan fugiu do local do crime. A polícia local não foi capaz de achá-lo depois disso, somente alguns vestígios foram encontrados. As primeiras pistas só foram descobertas dias depois, quando seu carro foi avistado no acostamento de uma rodovia. O veículo estava ensanguentado.

Os rastros de seu sapato foram encontrados até determinado ponto, a partir dali, nenhuma outra marca foi achada. Para onde ele foi?

O que se sabe daí para frente permanece um mistério. Mas teorias tentam desvendar o real paradeiro do assassino.

Viajando pelo mundo? 

Naquela época, foram relatados diversos supostos avistamentos do Lorde nos locais mais diferentes do globo. Um primeiro relato surgiu em janeiro de 1975, quando ele teria sido visto em Melbourne, na Austrália. Meses depois foram às vezes do franceses o avistarem em Cherbourg e Saint Malo.

Até mesmo na África do Sul surgiram relatos de uma possível estadia. A polícia local chegou a examinar impressões digitais de um copo de cerveja deixados por um suspeito na Cidade do Cabo.

Possível afogamento

James Wilson, um amigo próximo, relatou que ele havia enchido o bolso com pedras e pulou de um barco para o fundo do mar de Newhaven Harbor. Segundo Wilson, o remorso, a culpa e o pânico o levaram a cometer suicídio.

Ele atirou em si mesmo e seu corpo foi usado para alimentar um tigre em um zoológico

Esta teoria é de Philippe Marcq, um dos diversos amigos ricos do Lorde. A história diz que ele foi levado a um zoológico particular pertencente a  John Aspinall – dono de um clube no qual era frequentador. Lá diversos amigos o julgaram e tentaram achar uma solução.

Descartada a opção de fugir para um país distante, ele pegou um revólver que estava em cima de uma mesa e se matou num quarto ao lado. O seu corpo teria sido jogado para um tigre do zoológico.

O Lorde foi vítima de uma armação e seus amigos o ajudaram a escapar?

O irmão de Lucan, Hugh Bingham, defendeu sua inocência e afirmou que ao invés de ter cometido suicídio, ele teria fugido para se proteger do verdadeiro assassino. Essa linha de raciocínio não levou a polícia a nenhuma prova plausível, e foi descartada da investigação.

Seus amigos sabiam do crime e o ajudaram a fugir

Essa teoria diz que alguns de seus companheiros, mesmo sabendo que Lorde Lucan era culpado, o ajudaram a fugir do país. Para isso, cada um inventaria uma história bizarra, o que despistaria a polícia tempo suficiente para que ele pudesse escapar sem maiores dificuldade. 

Foto de Lady Lucan / Crédito: Reprodução

 

O destino dos personagens

O destino de Lorde Lucan permanece um mistério até hoje. Sem evidências concretas de sua morte, não é descartada a possibilidade que ele ainda esteja vivo e vivendo em qualquer lugar do mundo, afinal, ele ainda teria 85 anos.

Já sua ex-esposa não saberá jamais caso ele ainda apareça. Lady Lucan faleceu em sua residência em setembro de 2017. Os policiais encontraram o corpo da mulher depois de forçarem a entrada em seu apartamento. Mas acredita-se que a morte dela não seja suspeita.