Matérias » Família Real Britânica

Nome de batismo e adolescência conturbada: Os 37 anos do príncipe Harry em 5 curiosidades

Nesta quarta-feira, 15, o filho mais novo de Charles e Lady Di celebra seu aniversário

Penélope Coelho Publicado em 15/09/2021, às 14h26

Fotografia do príncipe Harry
Fotografia do príncipe Harry - Getty Images

No Dia dos Namorados (Valentine’s Day) do ano de 1984, a princesa de Gales, Diana, realizava um anúncio importante. Aos 22 anos, Lady Di escolheu aquele 14 de fevereiro para revelar que estava grávida novamente.

Em 15 de setembro daquele mesmo ano, no Hospital St Mary's em Paddington, Londres, Inglaterra, nascia o filho mais novo do príncipe e da princesa de Gales, Harry.

Nesta quarta-feira, 15, o duque de Sussex celebra seu aniversário de 37 anos. Afastado oficialmente da família real, o príncipe enfrentou grandes perdas e muitas mudanças ao longo da vida.

Diante da data, separamos cinco curiosidades sobre o príncipe Harry.

1. Nome verdadeiro 

Apesar de ser mundialmente conhecido pelo nome Harry, essa não é a nomeação oficial que consta na certidão do ruivo. Seu verdadeiro nome é Henry Charles Albert David Mountbatten-Windsor.

Contudo, o apelido ‘Harry’ se tornou popular logo na infância e o príncipe passou a ser chamado desta forma por todos.

De acordo com informações da revista Glamour, o príncipe Charles gostaria que o filho mais novo se chamasse Albert, como o marido da rainha Vitória, no entanto, Diana acreditava que o nome não se encaixaria bem em uma criança.


2.  Adolescência conturbada 

Aos 12 anos de idade, Harry enfrentou uma grande perda com a morte de sua mãe, em um acidente de carro em Paris, no ano de 1997. Os anos seguintes não foram fáceis para o príncipe, que criou fama de mulherengo e se envolveu em inúmeras polêmicas.

Como reportado pelo Aventuras na História, o duque de Sussex admitiu que fez o uso de substâncias ilícitas, como maconha, na adolescência. Além disso, Harry era constantemente fotografado em bares e festas na companhia de diferentes mulheres.

Príncipe Harry na juventude, no ano de 2003 / Crédito: Getty Images 

3. Servindo a nação 

O comportamento do príncipe mudou quando ele entrou para o exército no ano de 2005. Na época, o Harry atuou pela Força Aérea britânica na guerra do Afeganistão.

Na linha de frente do conflito, o comportamento rebelde do nobre ficou no passado. Em entrevista à Newsweek, o príncipe — que no exército era chamado de Capitão Gales — revelou que tal experiência foi “a melhor fuga que já teve”.

“Eu me sentia como se estivesse realmente alcançando algo”, revelou.

Sua participação foi encerrada em 2015, após 10 anos servindo como piloto de helicóptero.

Príncipe Harry no exército, em 2014 / Crédito: Getty Images 

4. Encontrando o amor 

Como revelado pelo portal Correio Braziliense, Harry tinha 31 anos e uma longa lista de decepções amorosas quando se encontrou pela primeira vez com aquela que se tornaria sua esposa e mãe de seus filhos: Meghan Markle.

Três anos mais velha que Harry, a então atriz norte-americana já havia se divorciado e naquele período de sua vida não tinha muito conhecimento sobre a família real britânica, como revelou posterirormente em entrevista.

No ano de 2016, um encontro arranjado por um amigo em comum deu início a história do casal: "Tudo estava perfeito, apenas tudo", relembrou o príncipe, em entrevista concedida à BBC.

O duque e a duquesa de Sussex se casaram em 2018, em uma cerimônia realizada na Capela de St. George, em Windsor, na Inglaterra. O evento contou com o já esperado luxo da realeza, mas, também com algumas quebras de tradições, em atitudes que hoje em dia podem ser interpretadas como indícios da insatisfação do casal com a família real.


5. Afastado da família para criar a sua 

Em 6 de maio de 2019, o príncipe Harry anunciava o nascimento de seu primeiro filho, Archie.

Tornando-se pai, o neto da rainha admitiu posteriormente em entrevista que passou a se preocupar cada vez mais em ser um bom exemplo e dar suporte para a família que estava começando a se formar.

Príncipe Harry e Meghan se beijam após cerimônia de casamento / Crédito Getty Images 

 

No ano de 2020, Harry e Meghan chocaram a todos ao anunciarem que se afastariam de suas funções reais, com a justificativa de que buscavam por independência. Em fevereiro do ano seguinte, a decisão foi oficializada, com isso, o casal não deve retornar para seus cargos reais.

Em entrevista concedida para Oprah Winfrey, em março deste ano, o príncipe falou abertamente pela primeira vez sobre as motivações para sua saída e a batalha para recuperar sua saúde mental. 

Harry, que ao nascer era o terceiro na linha de sucessão, hoje em dia ocupa o sexto lugar na lista. Atualmente, pai de duas crianças — com o nascimento de Lilibet Diana, em junho de 2021 — o príncipe está fisicamente longe da família real e mora em uma mansão nos EUA, com a esposa e os filhos. 


+Saiba mais sobre a Família Real Britânica em grandes obras disponíveis na Amazon:

Diana. O Último Amor de Uma Princesa, de Kate Snell (2013) - https://amzn.to/2TgHgPO

The Queen: The Life and Times of Elizabeth II (Edição Inglês), de Catherine Ryan (2018) - https://amzn.to/2RhgNA7

God save the queen - O imaginário da realeza britânica na mídia, de Almeida Vieira e Silva Renato (2015) - https://amzn.to/2xTkiGd

O Amor Da Princesa Diana, de Anna Pasternack (2018) - https://amzn.to/2xOZ8c9

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W