Matérias » Personagem

Quanto custa para ser enterrado perto de Marilyn Monroe?

Muito antes do jazigo perto de Marilyn Monroe ser colocado à venda, o cadáver da atriz passou por um episódio peculiar

Pedro Paulo Furlan, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 23/10/2021, às 09h00

Marilyn Monroe em 'O Segredo das Joias' (1950)
Marilyn Monroe em 'O Segredo das Joias' (1950) - Wikimedia Commons

Em 1997, o compositor e letrista Jerry Herman, de “Hello Dolly!” e “Mame”, comprou um jazigo perto de onde a atriz e super estrela americana Marilyn Monroe foi enterrada, por cerca de R$413 mil. O artista fez a transação depois de descobrir que estava vivendo com HIV e acreditar que faleceria logo.

Com o avanço da medicina, Herman mudou sua decisão: escolheu vender o túmulo e ser enterrado ao lado de sua mãe, quando veio a morrer em 2019. Vazio, o jazigo está à venda por uma corretora de Los Angeles e pode ser adquirido por qualquer um que queira ser enterrado ao lado de Hugh Hefner, fundador da Playboy, e perto de Marilyn.

Disponível pelo preço de onze milhões de reais (2 milhões de dólares), o túmulo está localizado no cemitério Westwood Village Memorial Park em Los Angeles, Califórnia nos Estados Unidos, segundo o site Casa Vogue. No entanto, este jazigo não é o primeiro perto de onde a atriz descansa a ser assunto da mídia com sua venda.

Joe DiMaggio e o enterro de Marilyn Monroe

Joe DiMaggio e Marilyn Monroe / Foto: Wikimedia Commons

 

No dia 5 de agosto de 1962, a atriz e um dos maiores sex symbols da história, Marilyn Monroe, faleceu em seu quarto em Los Angeles — encontrada deitada em sua cama, cercada de remédios, pelo seu psiquiatra, Ralph Greenson. O funeral de Monroe foi orquestrado por seu ex-marido, Joe DiMaggio.

Perto do fim de sua vida, Marilyn, aos 36 anos, passava mais tempo com DiMaggio, que era jogador de beisebol, e ele até acreditava que iria se casar com a atriz de novo. Infelizmente, antes de quaisquer planos se concretizarem, Monroe faleceu, de causas que são motivo de conspiração até hoje.

O símbolo de Hollywood foi enterrado no, citado acima, Westwood Village Memorial Park e seu funeral foi um momento tocante para qualquer pessoa que o presenciou. 

Segundo relato do site American Experience, o jogador e ex-marido não saiu do lado do caixão até o momento em que foi colocado no seu lugar de descanso, sussurrando seu amor por Marilyn até o último segundo possível.

Enterrados em volta do rosto de Hollywood

Túmulo de Marilyn Monroe / Foto: Wikimedia Commons

 

Nos anos em que Marilyn Monroe atuava e crescia exponencialmente em Los Angeles e na indústria de filmes, incontáveis pessoas tornaram-se fãs e foram envolvidas pela figura da atriz. No entanto, alguns foram longe demais — este é o caso de Richard Poncher, que foi empresário de Al Pacino.

Enquanto casados, Joe DiMaggio e a atriz tinham uma cripta de casal, na qual Marilyn acabou sendo enterrada no fim. Acima do jazigo de Monroe, ficava onde DiMaggio seria colocado, mas, em 1956, isso mudou. 

Com o divórcio já arranjado, DiMaggio vendeu o túmulo para Richard Poncher, que, em sua vida privada, era obcecado por Monroe. Em 1986, o empresário morreu e exigiu que sua mulher, Elsie, o enterrasse de bruços. É impossível negar que a simbologia assustadora coloca Poncher encarando Marilyn para sempre.

Em 2009, este jazigo foi o primeiro ao redor de Monroe que virou assunto da mídia. Da mesma maneira que o túmulo à venda agora, o local de descanso de Poncher foi colocado disponível para a compra.

Em leilão, o túmulo quase fora vendido por R$2 milhões — tudo orquestrado por Elsie Poncher, que planejava usar o dinheiro para pagar o resto da hipoteca de sua mansão em Beverly Hills, valor de aproximadamente 1,6 milhões de reais.

No final, o jazigo não foi passado a frente e Elsie acabou sendo enterrada ao lado de Richard, os dois acima de Marilyn Monroe.

No entanto, caso seu sonho seja ser enterrado perto do símbolo sexual de Hollywood, é necessário desembolsar 11 milhões para a corretora Jane Dorian.