Matérias » Estados Unidos

Scott Thorson vs Liberace: o processo judicial dos EUA que tratou sobre o divórcio de um casal homossexual

Eles mantiveram uma relação amorosa no século 20, a qual o pianista nunca confirmou devido aos preconceitos contra sua orientação sexual

Nicoli Raveli Publicado em 31/05/2020, às 09h00 - Atualizado às 12h30

Scott Thorson e Liberace, pianista do século 20
Scott Thorson e Liberace, pianista do século 20 - Divulgação

Scott Thorson e o pianista Liberace tiveram o primeiro contato em 1976 por meio da amizade em comum com Bob Street, um famoso dançarino da época. O encontro foi promissor e, em pouco tempo, o músico o contratou para trabalhar como uma espécie de assessor.

Na verdade, tudo aquilo era apenas um método para esconder o relacionamento romântico que estava por trás. Em cerca de cinco anos, Liberace o presenteou com carros, viagens e outros presentes caros.

Thorson também estava presente durante a maioria de suas apresentações em Las Vegas. Com o passar dos anos, porém, o amante alegou que o pianista tinha um comportamento promíscuo. Scott, por sua vez, também contribuía para a construção de um relacionamento tóxico, já que até mesmo se propôs a fazer uma cirurgia somente para parecer com seu amante.

Liberace, o pianista famoso do século 20 / Crédito: Divulgação 

 

Processo judicial

Foi durante uma longa conversa que os dois decidiram se separar em 1982. Tudo parecia ter sido resolvido com calma e ninguém esperava que aquela situação poderia se tornar complicada — mas foi exatamente isso que aconteceu.

Durante o divórcio, Thorson decidiu processar Liberace por não aceitar a divisão de bens e imóveis. A partir de então, o caso ficou conhecido e foi intitulado como o primeiro que tratava sobre a separação de duas pessoas do mesmo sexo dos Estados Unidos.

O músico — que enfrentava uma ascensão em sua carreira — não admitiu que era homossexual, já que na década de1970 o fato não era bem recebido, seja pelos familiares ou pelos fãs. Por fim, Scott acabou por vencer a ação judicial: no total, recebeu 133 mil dólares.

Liberace e Scott Thorson, respectivamente / Crédito: Divulgação 

 

A morte de Liberace e suas consequências

Ambos não mantiveram qualquer relação após o fim do processo, uma vez que o clima era tenso. Em 1987, porém, ao descobrir que o famoso estava doente, decidiu visitá-lo e fazer as pazes.

O pianista morreu naquele ano devido a complicações provenientes do vírus HIV. E faleceu sem assumir que era homossexual. Enquanto isso, Thorson aproveitou o momento para começar a escrever seu livro Behind the Candelabra: My Life with Liberace, no qual conta sobre seu relacionamento íntimo com o músico.

Mas nem tudo em sua vida estava perfeito. Dois anos após a morte do amante, se envolveu com drogas e até mesmo roubou documentos confidencias de autoridades locais, o que pode ter sido provocado pelo luto. 

Em 2008, assumiu seus crimes e foi condenado a quatro anos de prisão. Quando deixou o local, foi procurado por diversos programas televisivos para dar mais informações sobre o romance.

Liberace e Scott Thorson, amantes do século 20 / Crédito: Divulgação 

 

Todavia, esse não era o único assunto importante. Scott aproveitou sua fama para fazer um apelo: como havia sido diagnosticado com hepatite C, pediu pra que o público o ajudasse a pagar seus tratamentos médicos.

Mas nem mesmo a doença foi capaz de impedi-lo de praticar outros crimes. Em 2013, furtou o cartão de uma pessoa em um hotel e foi encontrado poucos dias depois. O homem foi novamente condenado, mas conseguiu liberdade condicional — e voltou a cometer outras atrocidades.

Em novembro do mesmo ano, utilizou metanfetamina e foi levado outra vez para trás das grades, mas agora sua liberdade condicional havia sido negada. Condenado de oito a 20 anos de prisão, Scott permanece encarcerado em Carson City no Northern Nevada Correctional Center.

Também em 2013, seu livro deu vida ao filme Behind the Candelabra (Minha vida com Liberace, em português), dirigido por Steven Soderbergh. O drama veio a receber diversas indicações, das quais foi premiado mais de 20 vezes.


+Saiba mais sobre o tema através das obras disponíveis na Amazon:

Behind the Candelabra: My Life With Liberace, Scott Thorson (1989) - https://amzn.to/3ciNiWa

Liberace: The Unofficial Biography,  Frances Valentino (2013) - https://amzn.to/2XducfS

Liberace: An American Boy,  Darden Asbury Pyron (2013) - https://amzn.to/2ZR3ETA

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W