Notícias » Brasil

Bolsonaro anuncia luto oficial para Olavo de Carvalho

De acordo com o decreto governamental, a morte do ‘guru bolsonarista’ receberá luto de um dia

Pedro Paulo Furlan, sob supervisão de Pamela Malva Publicado em 25/01/2022, às 16h00

Bolsonaro ao lado do pensador Olavo de Carvalho (2019)
Bolsonaro ao lado do pensador Olavo de Carvalho (2019) - Wikimedia Commons / Alan Santos

Conhecido como um dos maiores apoiadores da extrema-diereita brasileira, Olavo de Carvalho faleceu na última segunda-feira, 24, após sofrer com o coronavírus, de acordo com relato de sua filha. Atuando em uma rota rara, o atual presidente Jair Bolsonaro decidiu por expressar suas lamentações com um dia de luto oficializado pelo governo.

Após já ter utilizado de canais de comunicação governamentais para declarar condolências pelo pensador bolsonarista, o chefe de Estado publicou no Diário Oficial da União que esta terça-feira, 25, será considerada uma data de luto oficial por um dia por Olavo de Carvalho, de acordo com os artigos 1º e 2º.

Art. 1º É declarado luto oficial em todo o país, por um dia, contado da data de publicação deste decreto, em sinal de pesar pelo falecimento do professor Olavo Luiz Pimentel de Carvalho. Art. 2º Este decreto entra em vigor na data de sua publicação”, escreveu.

Geralmente o presidente utiliza seus próprios perfis e páginas para expressar a lamentação pela morte de alguém, devido a isto, o uso dos meios de comunicação do governo brasileiro é algo raro para Bolsonaro. De acordo com a cobertura do portal de notícias UOL, Jair Bolsonaro ainda elogiou Olavo em seus comunicados.

No hospital em Richmond, nos Estados Unidos, o ‘guru bolsonarista’ estava sendo tratado para a Covid-19. Anteriormente, Olavo de Carvalho havia feito diversos comentários sobre a pandemia, especialmente em seu perfil no Twitter.

O medo de um suposto vírus mortífero não passa de historinha de terror para acovardar a população e fazê-la aceitar a escravidão como um presente de Papai Noel”, publicou ele, certa vez.