Notícias » Personagem

Elizabeth II deixará de ser chefe de Estado de Barbados nesta segunda-feira

Cerimônia marcará a transformação oficial do pequeno país uma uma república

Redação Publicado em 29/11/2021, às 10h56

Rainha Elizabeth cumprimenta a governadora-geral de Barbados, Sandra Mason
Rainha Elizabeth cumprimenta a governadora-geral de Barbados, Sandra Mason - Getty Images

Barbados, ex-colônia britânica que conquistou independência em 1966, romperá por completo seus vínculos com o Reino Unido na próxima semana. O território, localizado na América Central, não terá mais Elizabeth II como chefe de Estado e se tornará uma república. 

“Chegou a hora de deixar totalmente para trás nosso passado colonial”, declarou, em setembro, a governadora-geral do pequeno país insular, Sandra Manson.

Segundo informações da CNN, o herdeiro do trono britânico, o príncipe Charles estará presente em evento que ocorrerá na noite desta segunda-feira, 29, representando a família real. Ele foi chamado pela primeira-ministra Mia Amor Mottley para participar das celebrações locais como convidado de honra.

Na cerimônia, Mason fará o juramento como a primeira presidente do país de quase 300.000 habitantes. Aom 73 anos de idade, ela, que é ex-jurista, foi eleita pelo parlamento de Barbados no mês passado.

“Tornar-se uma república é amadurecer”, declarou Guy Hewitt, quem atuou como alto comissário de Barbados no Reino Unido entre os anos de 2014 e 2018.

“Eu faço a analogia de quando uma criança cresce e tem sua própria casa, tem sua própria hipoteca, devolve as chaves aos pais porque diz que está seguindo em frente”, finalizou.