Notícias » Estados Unidos

Em Nova York, senhora de 70 anos é detida como suspeita de envenenar café do marido

A mulher teria batizado a bebida que entregava ao cônjuge com inseticidas em mais de uma ocasião

Ingredi Brunato Publicado em 18/01/2021, às 14h47

Fotografia meramente ilustrativa de café
Fotografia meramente ilustrativa de café - Divulgação/Pixabay

Na cidade de Nova York, nos Estados Unidos, uma senhora de 70 anos foi detida diante da acusação de que teria envenenando o café que servia ao seu marido. Suncha Tinerva teria acrescentado inseticidas contra baratas e formigas na bebida. O caso foi divulgado pela ABC News. 

A norte-americana foi flagrada por uma câmera de segurança realizando o ato no dia 12 de janeiro. Na filmagem, é possível ver Tinerva colocando uma substância branca na xícara que vai levar para seu cônjuge. Posteriormente, a polícia visitou a casa da mulher para realizar uma investigação, confirmando que se tratava de veneno. 

"Tinerva pegou a garrafa do armário embaixo da pia [de casa] e supostamente temperou o café do marido em duas ou três ocasiões", disse Melinda Katz, a procuradora do distrito onde o crime ocorreu, em um comunicado à imprensa que foi repercutido pela ABC News. 

A substância para matar insetos contava com ácido bórico em sua composição, resultando numa intoxicação que pode gerar desde sintomas mais comuns, como náusea, vômito e diarreia até erupções cutâneas e perda de pele, dependendo da quantidade ingerida. 

Felizmente, o marido da senhora detida, embora tenha ficado doente, foi capaz de sobreviver sem maiores consequências às agressões do veneno ao seu organismo. "A violência doméstica não se limita ao abuso mental e físico. O réu neste caso supostamente usou de um truque para adoecer seu esposo", comentou ainda a procuradora Katz.