Notícias » Estados Unidos

“Estamos mais seguros hoje”, afirma supervisor da operação que matou Bin Laden em 2011

Em entrevista, William H. McRaven, falou sobre a atual situação dos EUA sob sua perspectiva

Penélope Coelho Publicado em 20/08/2021, às 11h32 - Atualizado às 11h33

William H. McRaven, em 2014
William H. McRaven, em 2014 - Divulgação/Youtube/ Texas Exes

Em recente entrevista para a revista VEJA, o almirante William H. McRaven, de 65 anos, conhecido por supervisionar a ação que levou à morte do terrorista fundador da Al-Qaeda,Osama Bin Laden, em 2011, afirmou que atualmente os Estados Unidos estão “mais seguros”. As informações são do UOL.

De acordo com a reportagem, o norte-americano relembrou a operação de dez anos atrás e reconheceu que a tal segurança citada por ele, não vale para todos os países do mundo:

"O objetivo da missão era levar Bin Laden à Justiça por suas ações em 11 de setembro de 2001 [...] Na verdade, o que nossa Inteligência mostrou é que ele continuava planejando operações contra os Estados Unidos e nossos aliados. Estamos mais seguros hoje, sim. Tenho certeza”.

O almirante continuou: "Isso significa que o mundo todo está a salvo? Não. Ainda temos muitos problemas", afirmou em entrevista à revista Veja.

Sabe-se que a declaração de McRaven acontece em maio ao caos no Afeganistão, após a recente dominação do grupo extremista Talibã, que tomou o poder da capital do país, Cabul.

Confira a entrevista completa aqui.