Notícias » SBT

Eternizadas em NFTs, lembranças do SBT serão leiloadas

Os apaixonados pela história da televisão brasileira poderão arrematar NFTs com momentos marcantes

Redação Publicado em 04/04/2022, às 17h01

Um dos NFTs
Um dos NFTs - Divulgação/Mercado Bitcoin

Momentos icônicos do SBT nos quais Silvio Santos é o protagonista foram eternizados em NFTs (non fungible tokens) e serão leiloados na plataforma Mercado Bitcoin entre os dias 5 e 8 de abril, com lances a partir de R$100.

A coleção comemorativa, composta por 4 NFTs, foi lançada pelo SBT no ano passado em homenagem aos 40 anos da emissora brasileira e contou com a parceria do marketplace InspireIP.

O projeto também fez parte do processo de transformação digital do SBT. Entre as obras está o registro da hilária queda do apresentador em um tanque d’água em pleno palco do programa “Topa Tudo por Dinheiro”, em 1992, episódio que gerou uma série de memes. 

“É crescente o número de grandes empresas e de personalidades que estão de olho na criptoeconomia. A iniciativa do SBT é pioneira na televisão do país ao reunir entretenimento e a vanguarda da criptoeconomia em torno de Silvio Santos, uma personalidade querida por todos os brasileiros”, afirma Bruno Milanello, executivo de novos negócios do Mercado Bitcoin.

Confira abaixo as memórias que serão leiloadas!

Divulgação/Mercado Bitcoin

Onde Tudo Começou - O NFT ilustra a primeira transmissão do SBT, após concessão de TV, em 1981. Em 19 de agosto daquele ano, às 9h30, a emissora entrou no ar, transmitindo ao vivo a solenidade de assinatura da concessão seguida de um discurso de Silvio Santos.  

Topa Tudo Por Dinheiro - Esse NFT traz um dos momentos mais divertidos da televisão brasileira, quando o apresentador caiu em um tanque de água em 1992 em pleno programa. 

De Casa Nova - O momento eternizado pelo NFT da inauguração do Complexo de Televisão Anhanguera (CDT), em 1996 e que até hoje é a "casa" da emissora.

Teleton - NFT que registra o programa inaugural do Teleton, em 1998. O programa é transmitido até hoje e tem como objetivo arrecadar fundos para a Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD).