Notícias » Vaticano

Papa Francisco nomeia primeira mulher para cargo significativo no Vaticano

A advogada Francesca di Giovanni será a primeira subsecretária de relações multilaterais na Secretaria de Estado do Vaticano

Caio Tortamano Publicado em 15/01/2020, às 16h03

É a primeira vez que Francisco seleciona uma mulher para um cargo tão alto no Vaticano
É a primeira vez que Francisco seleciona uma mulher para um cargo tão alto no Vaticano - Getty Images

Pela primeira vez, o Papa Francisco nomeou uma mulher para o cargo de subsecretária de relações multilaterais na Secretaria de Estado do Vaticano. Francesca di Giovanni, advogada, terá o trabalho de gerir o Vaticano e coordenar a relação com outros países.

Giovanni trabalha há 27 anos no Vaticano e ocupa um cargo alto na hierarquia do país. Acima dela estão somente o Santo Padre, o secretário de estado (que atua como um primeiro-ministro) e o secretário da seção para relações com os estados.

Especialista em assuntos como migração, refugiados e direito internacional, di Giovanni irá trabalhar ativamente em nome dos grupos, além de representar uma presença feminina importante por seus conhecimentos em status da mulher (instância da ONU).

O cargo ocupado pela advogada ainda não existia, e se torna a primeira pessoa a ocupá-lo. Além de relacionar-se com outros países, ela fará parte da coordenação de relações em encontros como os propostos pela Organização das Nações Unidas.


+Saiba mais sobre a Igreja Católica: 

Como A Igreja Católica Construiu A Civilização Ocidental, de Thomas E. Woods Jr (2008) - https://amzn.to/30CFDOx

As grandes mentiras sobre a Igreja Católica, de Alexandre Varela e Viviane Varela (2016) - https://amzn.to/2TrofdX

As verdades que nunca te contaram sobre a Igreja Católica: A verdade por trás das cruzadas, da inquisição e muito mais, de Alexandre Varela e Viviane Varela (2018) - https://amzn.to/2TxQOGy

História da Igreja Católica, de J. Derek Holmes e Bernard W. Bickers (2006) - https://amzn.to/2QZsxr9

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.