Black Friday Amazon 2021
Notícias » Brasil

Instagram classifica duas publicações de Carlos Bolsonaro como falsas

As postagens do vereador foram feitas no último domingo, 7

Redação Publicado em 08/11/2021, às 14h29

A publicação do vereador foi classificada como falsa
A publicação do vereador foi classificada como falsa - Divulgação / G1

A rede social Instagram classificou como falsas duas publicações realizadas no último domingo, 7, pelo vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro (Republicanos).

As postagens dizem respeito a um seminário da TV dos Trabalhadores de 2015, mais especificamente de um trecho no qual o ex-presidente Lula (PT) fala sobre  o processo de nacionalização de empresas estrangeiras pelo governo boliviano.

A plataforma marcou a informação como falsa e explicou que “verificadores de fatos independentes em outra publicação” já haviam desmentido a fake news, utilizando como base a checagem da Agência Aos Fatos.

Conforme informações do G1, o vídeo compartilhado pelo filho do presidente do Brasil, levava o título “Acredite se quiser. Lula confessa que deu refinaria da Petrobras para Bolívia” e estava circulando nas redes sociais nos últimos dias.

“Eu lembro da primeira conversa que você [Álvaro Linera] teve no meu gabinete com o Evo Morales, com o Marco Aurélio Garcia, quando você perguntou: ‘Ô, presidente Lula, como você se comportaria se nós nacionalizássemos a Petrobras?’. Isso antes deles serem governo", diz Lula no vídeo.

"E eu disse ‘olha, o gás é de vocês, o petróleo é de vocês, portanto vocês fazem o que vocês quiserem’, sabe? E foi assim que nós nos comportamos. Respeitando o direito soberano que a Bolívia tinha sobre o seu solo, o seu subsolo, portanto, sobre o seu gás.”

Em sua primeira publicação, realizada na manhã de domingo, Carlos escreveu:

“Acho que o ex-presidiário e seus comparsas esqueceram de apagar isso aqui. O gás de cozinha está caro, assim como outras coisas? Nada é um fato isolado e qualquer inocente sabe disso, além do ‘fique em casa a economia a gente vê depois’, as consequências são vistas no mundo todo."

"Juntos com a ‘terceira via’ fazem de tudo para destruir as fontes de renda do povo, aumentam impostos, priorizam outros países com SEU dinheiro e ESTRATEGICAMENTE UNIDOS culpam quem zerou o imposto do gás de cozinha, diminui muitos outros e zera tarifas,” finalizou o político carioca.

A Agência Aos Fatos, porém, ressalta que “as refinarias da Petrobras na Bolívia foram vendidas por US$ 112 milhões em 2007”.

“O acordo para a venda das refinarias da Petrobras em 2007 encerrou uma crise entre o Brasil e a Bolívia após o recém-empossado governo Evo Morales ordenar, em 2006, a ocupação de instalação da petrolífera e de outras empresas estrangeiras, como Repsol , British Gas, British Petroleum, Total, a fim de nacionalizá-las”, informou em nota.

“Em nota enviada ao Aos Fatos, a assessoria de Lula também negou as alegações das postagens checadas e disse que o ex-presidente ‘renegociou os termos de um acordo com um país vizinho para que ele fosse benéfico aos dois países, sem a interrupção do fornecimento de gás para o Brasil’, finaliza  o texto.