Notícias » Mundo

Itália aprova projeto de lei que criminaliza homofobia e outras formas de preconceito

Votação histórica ocorreu nessa quarta-feira, 4, com um resultado que foi bastante elogiado

Ingredi Brunato Publicado em 04/11/2020, às 16h36

Fotografia mostrando bandeiras simbólicas do orgulho LGBT
Fotografia mostrando bandeiras simbólicas do orgulho LGBT - Divulgação/ Pixabay

Nesta quarta-feira, 4, a Câmara de Deputados italiana aprovou um projeto legislativo de grande importância na luta contra o preconceito direcionado à minorias. A nova lei tem por objetivo criminalizar as práticas de homofobia, misoginia, transfobia e violência contra pessoas portadoras de deficiência. 

A votação, que foi anônima, contou com 193 parlamentares desfavoráveis ao projeto, contra 265 parlamentares a favor de tornar essas formas de intolerância puníveis pelo sistema legal italiano, além de um que se absteve de participar da votação. O resultado favorável recebeu uma onda de aplausos dos civis que vieram assistir a sessão da Câmara. 

"Com o voto de hoje, o país deu um importante passo adiante para a conquista de uma lei de civilidade esperada há décadas", comentaram os deputados do Movimento Cinco Estrelas (M5S) em uma mensagem oficial. 

O próximo passo para a medida será passar pelo Senado, onde será necessária nova aprovação para que de fato entre em vigor. Vale mencionar também que a lei conta com o apoio do Presidente República Italiana, Sergio Mattarella.