Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Estado Islâmico

Líder do Estado Islâmico que planejou atentado no aeroporto de Cabul é morto

Chefe do grupo extremista teria sido morto pelos talibãs, conforme afirma a imprensa americana

por Giovanna Gomes

ggomes@caras.com.br

Publicado em 26/04/2023, às 08h31

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Imagem ilustrativa - Imagem de Amber Clay por Pixabay
Imagem ilustrativa - Imagem de Amber Clay por Pixabay

De acordo com a imprensa americana, na última terça-feira, 25, o governo talibã matou o suposto mentor do ataque a bomba ocorrido no aeroporto de Cabul durante a retirada das forças americanas em 2021. O atentado foi realizado por um terrorista no meio da multidão que tentava fugir do Afeganistão em 26 de agosto de 2021, matando cerca de 170 afegãos e 13 soldados americanos que faziam a patrulha do aeroporto.

Conforme destacou a agência de notícias AFP, o presidente Joe Biden recebeu muitas críticas por sua decisão de retirar as forças americanas do país, quase 20 anos após a invasão americana, e o atentado gerou ainda mais controvérsia. Recentemente, autoridades talibãs mataram o chefe da célula do Estado Islâmico (EI) que planejou o ataque.

EUA não estão envolvidos

Segundo um funcionário americano de alto escalão, que preferiu não ser identificado, os Estados Unidos não participaram da operação e o alvo era alguém que ainda estava envolvido com o EI-K, braço do grupo que atua no Afeganistão e Paquistão.

A inteligência americana está trabalhando para confirmar o assassinato, e o governo Biden não anunciou publicamente a morte até que as famílias dos 13 soldados americanos fossem informadas.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!