Notícias » Política

Lula diz que humor 'se perdeu' após morte do comediante Chico Anysio

Ex-presidente opinou sobre o politicamente correto

Wallacy Ferrari Publicado em 27/04/2022, às 10h24

Lula durante evento em 2022
Lula durante evento em 2022 - Getty Images

Durante entrevista coletiva transmitida na última terça-feira, 26, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), atualmente cotado como pré-candidato às eleições presidenciais, classificou o 'politicamente correto' no humor como "chato para c*cete" durante uma fala sobre pluralidade de vozes.

Defendendo a diferença de ideias, ele afirmou que o mundo ideal seria 'multipolar', sem decisões unânimes e com diferenças em culturas e ideais. Na fala, acrescentou que, em uma mesa multipolar, poderia ouvir uma piada de nordestino sem ser repreendido, assim como poderia contar outra a altura.

Nós queremos um mundo multipolar, que tenha 500 pessoas discutindo na mesa. Aí, sim, a gente vai ter um mundo feliz. O cara contando piada de nordestino e eu rindo. Eu estou contando piada de outras pessoas, e as pessoas rindo”, afirmou em coletiva transmitida em seu canal no YouTube.

Referência no humor

Lula acrescentou que o humor 'se perdeu' após a morte do comediante cearense Chico Anysio e que, atualmente, os humoristas presentes na televisão brasileira não proporcionam qualidade aos espectadores: "Todas as piadas agora viraram politicamente erradas. Então, não tem mais graça. Se você quer dar risada, é nesses programas de humorismo chato pra cacete de televisão”.

Veja abaixo a declaração de Lula: