Notícias » Brasil

Lula diz que não 'discute vice', mas que tem 'profundo respeito' por Alckmin

Lula declarou que “não há nada que aconteceu que não possa ser reconciliado” entre ele e o ex-governador

Isabela Barreiros Publicado em 16/11/2021, às 10h27

O ex-presidente Lula e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin
O ex-presidente Lula e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin - Getty Images/Divulgação/Instagram/@geraldoalckmin_

O ex-presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva falou sobre a possibilidade de o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin ser seu vice em uma chapa para as eleições de 2022, em que ele ainda não confirmou candidatura.

Lula comentou sobre as especulações envolvendo o político do PSDB durante o Encontro de Alto Nível da América Latina no Parlamento Europeu em Bruxelas, capital da Bélgica, na última segunda-feira.

No evento, o petista explicou que o Partido dos Trabalhadores deverá decidir até fevereiro ou março do ano que vem se ele deverá participar da corrida eleitoral como candidato à presidência. As informações são da CNN Brasil. 

O ex-presidente brasileiro também continuou a discussão em seu perfil no Twitter, escrevendo que “não discute vice” pois ainda nem mesmo discutiu a própria candidatura ao cargo principal.

“Política é como futebol, você dá uma canelada no cara, ele cai chorando de dor, mas depois que termina o jogo, eles se encontram, se abraçam, vão tomar uma cerveja e discutir o próximo jogo”, disse.

“Política é assim. Nas divergências todo mundo joga bruto porque quer ganhar”, que acrescentou que “não há nada que aconteceu [entre ele o ex-governador] que não possa ser reconciliado”.

“Eu disputei as eleições de 2006 com o Alckmin, mas tenho profundo respeito por ele. Mas eu não tô discutindo vice ainda porque não discuti a minha candidatura”, finalizou Lula.