Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Guilherme de Pádua

Maurício Mattar fala sobre Guilherme de Pádua: ‘Pedia para eu mostrar meu pênis’

Ator falou sobre a relação com Guilherme de Pádua nos bastidores de uma peça musical da qual foram colegas de trabalho

Redação Publicado em 25/07/2022, às 13h47

Maurício Mattar e Guilherme de Pádua - Divulgação/Instagram/@mauriciomattar / Vídeo
Maurício Mattar e Guilherme de Pádua - Divulgação/Instagram/@mauriciomattar / Vídeo

Maurício Mattar contou como o responsável pelo assassinato de Daniella Perez, Guilherme de Pádua, o assediou durante os bastidores de uma peça musical da qual os dois participaram, pedindo inclusive para ver sua genitália. 

Segundo informações da IstoÉ, Mattar relatou como as situações envolvendo os comportamentos desagradáveis de Guilherme de Pádua ocorreram em meio aos ensaios para o espetáculo Blue Jeans em 1991.

Sempre que eu ia trocar de roupa, o Guilherme colava em mim, ficava olhando de banda e até mesmo pedia para eu mostrar meu pênis", contou.

"Lembro que na época do 'Blue Jeans' ele vivia assediando homens, como se fosse doença, compulsivamente. Era muito desagradável. Ele contou que transava com homens desde que chegou ao Rio de Janeiro, onde acontecia a apresentação da peça. Pelo visto era bi. Ele dizia que para subir na vida transaria com quem fosse preciso", acrescentou.

No caso Daniella Perez

O caso veio a tona após o promotor do caso do assassinato de Daniella Perez, José Muiños Piñeiro Filho, revelar na série “Pacto Brutal”, que Guilherme de Pádua teria sugerido mostrar o pênis durante depoimento um dia depois da morte da atriz.

Ele quis se apresentar nesse primeiro momento como aquele homem heroico, que estava se sacrificando pela mulher que estava grávida, com quem ele vivia muito bem a ponto de se tatuar com o nome dela”, contou Piñeiro Filho.

O promotor completou: “Ele se oferece pra mostrar o pênis dele, porque tinha uma tatuagem, numa declaração de amor à mulher. E ao meu ver, eu estou convencido, ele queria já ali insinuar o envolvimento da mulher".