Notícias » EUA

Mulher elabora bolo para 'celebrar' aniversário de obra paralisada nos EUA

Após um ano tendo de conviver com uma obra em frente à sua casa, Natalie Harvey protestou contra a demora com bom humor

Giovanna Gomes, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 30/03/2021, às 11h30

Natalie Harvey fez um polo para comemorar a obra
Natalie Harvey fez um polo para comemorar a obra - Divulgação/Facebook/Natalie Nanquin Harvey

Natalie Harvey, moradora do bairro de Lakeview, em Nova Orleans, estava muito insatisfeita com o atraso de uma obra que, há um ano, havia começado em frente à sua casa.

Conforme repercutido pelo portal de notícias UOL, foi assim que ela, ironicamente, resolveu "comemorar" a situação com bexigas e um bolo de aniversário. Em seguida, tirou uma foto ao lado da obra e publicou em sua página no Facebook. 

"Feliz primeiro aniversário para a nossa construção de rua!", dizia a postagem. "[...]Para comemorar, criei uma réplica da rua em forma de bolo: duas camadas de bolo de esponja de chocolate com creme de manteiga de amendoim." 

Harvey ainda explicou na publicação o quão difícil se tornou a circulação na 20th Street desde que a obra teve início.

Além disso, a americana ainda afirmou que uma semana antes, um buraco de quase 2 metros de profundidade se abriu no meio do asfalto.

Bolo de aniversário feito pela moradora - Crédito: Divulgação/Facebook/Natalie Nanquin Harvey

 

"Achei que poderia obter uma boa reação local para a minha postagem, já que os moradores de New Orleans estão acostumados com as péssimas condições das estradas aqui. Não achei que a publicação iria se espalhar pelo país e mesmo pelo mundo!", declarou ainda surpresa.

De acordo com a moradora, o motivo para a demora seria o fato da equipe de construção, estar trabalhando esporadicamente. Ela afirma que os trabalhadores atuam durante 7 dias e depois realizam uma longa pausa que pode se estender por duas a três semanas.

"O trabalho definitivamente melhorou nas últimas semanas. Mas você nunca sabe quando isso vai parar e quando vai começar de novo", disse Harvey.