Notícias » Entretenimento

O que aconteceu com a personagem Muda na primeira versão de 'Pantanal'?

Muda teve um curioso final na transmissão feita pela Rede Manchete em 1990

Wallacy Ferrari Publicado em 01/05/2022, às 09h00

Muda na primeira versão de 'Pantanal'
Muda na primeira versão de 'Pantanal' - Divulgação / Bloch

Atualmente transmitido na faixa de novelas das 21h pela TV Globo, o remake de 'Pantanal' repete o sucesso da novela que cativou o público e conquistou a liderança pela Rede Manchete em 1990.

Com o roteiro de Benedito Ruy Barbosa ganhando uma nova cara pelo neto Bruno Luperi, os personagens chamam ainda mais atenção dos espectadores sobre possíveis mudanças comportamentais e, principalmente, no enredo da trama.

Uma das mais notórias protagonistas é a personagem Maria Rute, mais conhecida por seu apelido Muda, adquirido na segunda fase da trama, quando já adulta. Ela retorna a região pantaneira onde seu pai foi assassinado pelo personagem Gil, justamente para se vingar da morte.

Na nova versão, ela é interpretada pela jovem atriz Bella Campos, que fez parte da quimérica cena onde Maria Marruá é alvo dos tiros fatais da vingança, na parte em que se solidariza com Juma.

Contudo, na transmissão original, os caminhos seguintes de Muda chamam atenção pelo desencadeamento de ações na novela, como enalteceu o jornal DCI.

Muda na primeira versão de 'Pantanal' / Crédito: Divulgação / Bloch

Como tudo aconteceu

A primeira versão de Muda era interpretada pela atriz Andréa Richa, hoje aposentada da televisão, mas que na época foi responsável por encarnar os instintos mais vingativos da personagem, que posteriormente, não apenas revelava para a amiga Juma que ordenou a morte de sua mãe como retaliação pelo dolorido óbito de seu pai na infância, como revelava que não era muda, apenas optando por ficar calada.

Ao longo da trama, Juma sequer desconfia do ato, chegando a debater com a própria Muda sobre quem seria o pistoleiro contratado para executar sua progenitora e quem ordenou o crime. Ciente de tudo, Muda chegou a cogitar matar a amiga, mas deixando a ideia de lado pela amizade.

Antes disso, ela se torna a melhor amiga da pantaneira, chegando a ser contratada na fazenda de José Leôncio, sogro de Juma durante o período em que se relaciona com Joventino.

Contudo, a descoberta da ordenação da morte da mãe faz com que ela se transforme em onça e parta para cima de Muda, que consegue acalmá-la e reverter a situação.