Notícias » Chile

Presidente do Chile é multado em R$ 17 mil após ser flagrado andando sem máscara na praia

No dia 5 de dezembro, Sebastian Piñera posou para uma selfie ao lado de uma pessoa não identificada, estando ambos sem máscara — o que lhe rendeu inúmeras críticas

Giovanna Gomes Publicado em 19/12/2020, às 07h59

O presidente do foi multado em R$ 17 mil
O presidente do foi multado em R$ 17 mil - Divulgação/ CNN

O presidente do Chile, Sebastián Piñera, foi multado em 2,5 milhões de pesos, valor em torno de R$ 17 mil, ao ser visto sem máscara na praia. "Na resolução se estabelece uma multa de 50 UTM [Unidade Tributária Mensal], o que equivale a 2.551.450 pesos", disse a nota da Secretaria de Saúde da região de Valparaíso. As informações são da CNN Chile e foram repercutidas pelo UOL.

No dia 5 de dezembro, o político posou para uma selfie ao lado de uma pessoa não identificada, estando ambos sem máscara, o que fez com que ele recebesse inúmeras críticas.

Piñera pediu desculpas pelo ocorrido e um porta-voz do governo explicou que ele estava andando sozinho pela praia no balneário de Cachagua quando foi surpreendido pelo pedido da selfie.

No Chile, o uso de máscara é obrigatório em todos os locais públicos, inclusive ao ar livre, estando aqueles que desrespeitam a regra, sujeitos a multas consideráveis e até mesmo prisões. Na semana passada, um novo lockdown foi anunciado em Santiago, capital do país, após ter sido constatado um aumento de 18% nos casos de covid-19 na região.