Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Brasil

SP: Prefeitura autoriza a demolição do histórico Casarão das Muletas

Após parte da estrutura da casa ter cedido no último dia 13, a Prefeitura autorizou a demolição do palacete histórico da Bela Vista

Redação Publicado em 23/01/2024, às 17h23

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Imagens atuais do Casarão das Muletas - Reprodução/Vídeo/Globo
Imagens atuais do Casarão das Muletas - Reprodução/Vídeo/Globo

Nesta segunda-feira, 22, a Prefeitura de São Paulo anunciou que o Casarão das Muletas será demolido em razão de seu alto risco de desabamento. O estado do palacete histórico, localizado no bairro da Bela Vista, centro de São Paulo, vem amedrontando moradores da região. 

A casa, que se encontra abandonada e deteriorada, sobrevive graças a sustentação de uma série de estacas de madeira, que deram origem ao apelido "muletas". Mas no último dia 13, parte da estrutura cedeu, resultando na interdição do local e de um dos prédios vizinhos. 

Conforme repercutido pela revista Exame, desde o incidente, autoridades municipais passaram a considerar uma possível reforma ou demolição do Casarão das Muletas, tido como patrimônio histórico da cidade desde seu tombamento em 2002.

Após uma vistoria realizada por técnicos da Subprefeitura da Sé, a Prefeitura de São Paulo “concluiu o laudo a respeito das condições da edificação, com o resultado favorável pela demolição imediata do imóvel por risco de colapso", disse a administração em uma nota.

A autorização da demolição do palacete depende o aval do Departamento do Patrimônio Histórico do Município, que irá analisar o laudo emitido pela administração regional. Mas Subprefeitura da Sé "já iniciou o processo para contratação emergencial" do serviço.

Casa abandonada

Na última segunda-feira, 15, durante uma entrevista concedida à TV Globo, o subprefeito da Sé, Álvaro Camilo, taxou a situação como “emergencial”. Além disso, ele garantiu que as autoridades entrariam em contato com o proprietário do casarão, mas, até o anúncio desta segunda, esta pessoa "ainda não foi localizada".

Segundo o portal São Paulo Antiga, o casarão da Bela Vista foi construído em 1913 e serviu como "residência para a família Ribeiro da Luz até meados da década de 80". O local, que não abriga ninguém há anos, foi tombado como patrimônio histórico em 2002, mas com o passar dos anos e a falta de cuidado, o palacete se deteriorou.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!