Notícias » Itália

Turista é detido depois de marcar suas iniciais no Coliseu de Roma

Se for condenado, o homem poderá pegar um ano de prisão ou pagar uma multa equivalente a R$ 13 mil

Isabela Barreiros Publicado em 28/09/2020, às 14h07 - Atualizado às 14h07

Imagem ilustrativa do Coliseu de Roma
Imagem ilustrativa do Coliseu de Roma - Pixabay

Na última segunda-feira, um turista irlandês de 32 foi denunciado pela segurança particular do Coliseu de Roma e preso pela polícia local depois de esculpir suas iniciais no importante monumento. As informações são da CNN.

As duas letras das iniciais do indivíduo foram entalhadas no Coliseu com o uso de uma ponta de metal. O homem escreveu as letras com seis centímetros de altura, em um pilar no primeiro andar do anfiteatro.

 Ainda segundo o jornal, o turista foi denunciado pelo crime de vandalismo, ao danificar um marco histórico e artístico. Se for condenado, ele poderá passar até um ano na prisão ou será obrigado a pagar uma multa em por volta de 2.065 €, por volta de R$ 13 mil. 

De acordo com a arqueóloga Federica Rinaldi, “o Coliseu, como qualquer monumento que representa a história de todos nós, deve ser preservado e entregue às gerações futuras”. Responsável pela preservação do monumento, ela afirma que os vândalos querem “se apropriar” do anfiteatro ao escreverem suas iniciais nele.