Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Moda com História / Personagem

Por que Diana se incomodava com o logo da Chanel?

De acordo com designer, a princesa chegou a se recusar a usar um sapato da marca

Redação Publicado em 22/05/2022, às 12h00 - Atualizado em 07/06/2022, às 16h33

A princesa Diana - Wikimedia Commons / John Mathew Smith
A princesa Diana - Wikimedia Commons / John Mathew Smith

Dona de um carisma único, a 'princesa do povo', Diana Spencer, foi uma das personalidades de maior popularidade do século 20. Lady Di, além de espontânea e comprometida com inúmeras causas sociais, chamava atenção pela beleza e elegância, de modo que se tornou um dos maiores ícones da moda em seu tempo, sendo sempre avistada com peças de grifes famosas. 

Contudo, houve um período em que Diana se recusou a usar uma das mais conhecidas marcas: a Chanel. O motivo, segundo afirmou o fashion designer Jayson Brunsdon, conforme repercutido em reportagem da Vogue, estaria relacionado ao logo da tradicional grife criada por Gabrielle Chanel no ano de 1909.

O duplo C

O símbolo da marca fazia a princesa se lembrar da traição de seu ex-marido, o príncipe Charles, com Camilla Parker Bowles, justamente por ser constituído por duas letras C entrelaçadas.

Conforme divulgado pela Vogue em matéria de fevereiro deste ano, Brunsdon comentou um episódio ocorrido em 1996, durante uma viagem da nobre à Austrália. Ele ajudava Lady Di a se arrumar quando ela declarou que não poderia calçar um clássico par de sapatos da Chanel.

Diana, a princesa do povo / Crédito: Getty Images

"Depois que o Joh Bailey terminou seu cabelo, ela tinha que se arrumar para uma visita a um hospital e disse que vestiria uma saia Versace com terninho creme, mas que não sabia com qual acessório combinar." Na ocasião, a princesa teria jogado no sofá diversos pares sapatos e bolsas, pedindo a opinião de Brunsdon logo em seguida.

"Encontrei um par de sapatos Chanel e disse: 'Esses ficariam ótimos com o Versace'. Ela respondeu: 'não, eu não posso usar os Cs ligados, o C duplo'". Depois de perguntar o motivo a Diana, esta respondeu-lhe que as iniciais a faziam lembrar de Camilla e Charles.

Lady Di em janeiro de 1995 / Crédito: Getty Images

Casamento conturbado e separação

A princesa se separou de Charles, filho mais velho da rainha Elizabeth II, no ano de 1992, após descobrir a traição com sua ex-namorada. O divórcio oficial, no entanto, veio a ser assinado somente em 1996. 

Durante a famosa e polêmica entrevista concedida à BBC no ano seguinte, Lady Di chegou a declarar: "Havia três de nós neste casamento, então estava um pouco lotado".

Na ocasião, a princesa acabou revelando uma série de questões pessoais, tais como problemas no casamento e com membros da família real, depressão, bem como sua experiência com a bulimia.


O jeans e a História

Uma das peças mais curiosas que já existiram carrega uma história instigante. Como surgiu o jeans? Qual a sua importância? 

Essas respostas você encontra no podcast 'Moda com História', com narração e roteiro de Laura Wie, especialista em História da Moda. 

Confira abaixo o episódio 'O jeans desde as grandes navegações até a moda atual'. 


+Saiba mais sobre o tema com as obras abaixo:

Diana: Sua verdadeira história em suas próprias palavras, Andrew Morton (2013) - https://amzn.to/2EhlUt4

Kate: Nasce uma princesa, Claudia Joseph (2011) - https://amzn.to/36yUdby

Meghan: A princesa de Hollywood que conquistou a Inglaterra, Andrew Morton (2018) - https://amzn.to/2EhwLU4

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/3b6Kk7du