Matérias » Entretenimento

O dia em que Marlon Brando confrontou Michael Jackson sobre acusações de abuso

Em relato presente no processo das alegações, o ator supostamente fez o Rei do Pop chorar ao comentar vida pessoal com o astro

Wallacy Ferrari Publicado em 11/11/2020, às 17h30

Retrato fotográfico de Michael Jackson (esq.) junto ao de Marlon Brando (dir.)
Retrato fotográfico de Michael Jackson (esq.) junto ao de Marlon Brando (dir.) - Wikimedia Commons

Dentre as muitas pessoas que conheceu ao longo da vida como uma estrela mundial, Michael Jackson sempre manifestou dificuldades em fazer amizades, principalmente pela timidez e reclusão, atribuída em entrevistas do Rei do Pop como legado pelos abusos físicos e psicológicos causados pelo pai, Joseph, durante a infância.

Entre as amizades feitas com personalidades de Hollywood, duas se destacam pelas semelhanças; Elizabeth Taylor e Marlon Brando, ambos atores consagrados da indústria cinematográfica, mas que, assim como o cantor, tiveram uma infância frustrante, com Liz sofrendo com a mãe exploradora, e Marlon, com a mãe alcoólatra e um pai frio.

Os dois amigos tinham uma idade bem maior que a de Michael, mas Marlon, em específico, se tornou confidente por ser um dos principais companheiros do sexo masculino, visto como uma figura fraterna — além de compartilharem uma admiração mútua pelos trabalhos artísticos.

Marlon Brando concede entrevista em talk-show / Crédito: Wikimedia Commons

 

Dúvidas sobre a amizade

Sendo uma das personalidades públicas mais notórias pela relação com Michael, Brando não esteve de fora em um dos principais momentos de caos na vida do músico. Em 1993, quando Michael teve de interromper a turnê ‘Dangerous’ para responder as alegações de abuso sexual nos Estados Unidos, o ator teve a oportunidade de visitar o cantor, como é alegado no podcast’ Telephone Stories: The Trials of Michael Jackson’.

O apresentador do programa, Brandon Ogborn, afirmou ter acesso aos depoimentos prestados durante o julgamento sobre abusos sexuais do músico, revisando os papéis junto a juíza Lauren Weis, procuradora do estado de Los Angeles que ficou responsável pela investigação envolvendo Michael Jackson.

De acordo com a produção, Brando foi convocado por autoridades para um interrogatório sobre a amizade de longa data com o Rei do Pop, tendo a transcrição do depoimento escondida por mais de 20 anos. Antes de testemunhar, ele jurou perante a lei falar apenas a verdade sobre uma conversa que teve semanas antes.

Michael Jackson e Marlon Brando juntos no clipe "You Rock My World", em 2001 / Crédito: Divulgação/YouTube

 

Testemunho de Brando

Como amigo íntimo, Marlon entendeu que a intimidade obtida com o cantor abriria o espaço para falar sobre as tão comentadas acusações. O ator iniciou de maneira descontraída: "Perguntei se ele ainda era virgem, mas ele só deu uma risada". De acordo com ele, Michael ficava extremamente desconfortável quando o palavrão “fuck” era dito, além de evitar comentários sobre a vida sexual.

Porém, quando fez questão de falar sobre os abusos, o Rei do Pop tentou desviar do assunto, sem sucesso; Brando insistiu, resultando em uma abertura do astro. De acordo com o suposto depoimento, ele teria chorado, admitido que odiava o pai e que não conseguia fazer amigos da mesma idade, sem conseguir responder o motivo quando indagado por Marlon.

O depoimento é encerrado com uma afirmação dura do ator: “Com essa atitude, acho razoável concluir que ele pode ter feito alguma coisa com as crianças. Minha impressão foi de que ele não quis responder porque ficou com medo de me responder”, acrescentou. Mesmo assim, a dupla continuou a amizade até a morte do ator, em 2004.


+Saiba mais sobre o tema por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Moonwalk (Edição Inglês), de Michael Jackson (2009) - https://amzn.to/3aQpB7H 

Marlon Brando, de François Forestier (2014) - https://amzn.to/2wwnTcQ

Michael Jackson, de J. Randy Taraborrelli (2012) - https://amzn.to/2wqGhUy

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W