Matérias » Arqueologia

Relembre as curiosas tumbas desenterradas no local da antiga cidade grega de Olímpia

A descoberta foi feita no fim de 2020, e revelou artefatos arqueológicos instigantes

Ingredi Brunato, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 25/04/2021, às 08h00

Fotografia mostrando urna de bronze encontrada no local
Fotografia mostrando urna de bronze encontrada no local - Divulgação / Ministério de Cultura da Grécia

Em novembro de 2020 o Greek Reporter, um veículo especializado em notícias da Grécia, repercutiu uma descoberta valiosíssima na região na porção ocidental do país, onde no passado ficava a cidade de Olímpia — também conhecida como o local onde eram realizadas as famosas competições esportivas gregas chamadas de Olimpíadas

Foram reveladas oito tumbas datadas do período entre o século 2 e o 4 a.C, com metade delas estando cobertas por pedras. As informações foram divulgadas pelo próprio Ministério da Cultura da Grécia. 

Vale comentar ainda que as escavações foram feitas durante uma operação de resgate com o objetivo de explorar todos os possíveis achados arqueológicos do local antes de começar uma construção, de acordo com o que o Ancient Worlds repercutiu na época. 

Os achados 

Uma das covas continha um caixão com dimensões para guardar os restos mortais de uma pessoa só, e tinha seu exterior forrado com ladrilhos de cerâmica. Próxima a essa sepultura, em particular, existia uma lápide de mármore. 

Fotografia da lápide de mármore encontrada no local / Crédito: Divulgação/ Ministério da Cultura da Grécia 

 

Ainda de acordo com o Greek Reporter, no sítio arqueológico foram encontrados três artefatos chamados de "pithoi", que são recipientes funerários de tamanho avantajado - por vezes, são usados como caixões, embora esse não seja seu objetivo primário. 

Dentro de um dos pithoi os pesquisadores encontraram ainda dois tesouros extras: o primeiro deles era uma urna feita de bronze coberta por diferentes desenhos, como flores e cabeças de leão; já o segundo era um espelho também de bronze. A idade específica desses últimos objetos foi determinada como entre o fim do quarto século a.C e o início do terceiro. 

Cemitério 

Fotografia da escavação em processo no local correspondente à antiga cidade de Olímpia / Crédito: Divulgação/ Ministério da Cultura da Grécia 

 

Essa não foi a primeira descoberta que ajudou a aumentar o conhecimento dos especialistas relativo aos diferentes rituais funerários dos antigos habitantes da área, que também é conhecida como Élida. 

Isso porque essa unidade da Grécia Ocidental possui diversos cemitérios, com mais de 200 túmulos sendo revelados desde o início de sua exploração pelos arqueólogos, como foi divulgado pelo Greek Reporter.

As diferentes sepulturas são datadas dos períodos Clássico Tardio (quando, entre outras coisas, a qualidade das pinturas produzidas pelos gregos antigos alcançaram seu pico) e do Período Helenístico (este último sendo referente à época que os gregos antigos estavam sob o domínio do Império Macedônico).


+Saiba mais sobre arqueologia por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Arqueologia, de Pedro Paulo Funari (2003) - https://amzn.to/36N44tI

Uma breve história da arqueologia, de Brian Fagan (2019) - https://amzn.to/2GHGaWg

Descobrindo a arqueologia: o que os mortos podem nos contar sobre a vida?, de Alecsandra Fernandes (2014) - https://amzn.to/36QkWjD

Manual de Arqueologia Pré-histórica, de Nuno Ferreira Bicho (2011) - https://amzn.to/2S58oPL

História do Pensamento Arqueológico, de Bruce G. Trigger (2011) - https://amzn.to/34tKEeb

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W