Curiosidades » Religião

Como diferentes religiões enxergam a existência de vida alienígena?

Apesar de nunca termos encontrado claras evidências de que exista vida em outros planetas, algumas crenças acreditam nessa hipótese

Fabio Previdelli Publicado em 24/08/2019, às 09h00 - Atualizado às 19h00

None
- Crédito: Reprodução

Mesmo que nunca tenhamos encontrado evidências claras de que existe vida em outros planetas, os extraterrestres são seres que permanecem em constância no imaginário popular. Altos de olhos esbugalhados ou magrelos esverdeados? Eles aparecerão em Varginha ou farão marcas em plantações?

Mas como será que as religiões veem essas criaturinhas que mal conhecemos, mas já nos aterrorizam tanto?

Imagem do filme E.T.: O Extraterrestre / Crédito: Reprodução


Judaístas 

Os judeus acreditam que não há limites para o poder de Deus, eles estão abertos à ideia de que Ele é livre para criar mais de uma forma de espécie consciente no cosmo. O rabino Norman Lamm recentemente propôs que o “homem pode muito bem aceitar uma nova descoberta científica” e que “o homem não é o único residente inteligente e bio-espiritual no mundo de Deus”.

Adventistas do sétimo dia

O adventismo de sétimo dia surgiu no século 19 como parte de uma solução para problemas teológicos decorrentes da possibilidade de vida extraterreste. A profetisa Ellen White, descreveu visões de seres extraterrestres em diferentes mundos. Eles seriam seres altos e majestosos e inteiramente sem pecado.

Criacionistas

A maioria dos cristãos fundamentalistas está comprometida com uma interpretação literal das escrituras. Como não há menção de extraterrestres na Bíblia, eles concluem que isso prova a sua inexistência. Os criacionistas negam até a Teoria de Evolução das Espécies, e a existência de vida inteligente em outros planetas está completamente fora de suas crenças.

Católicos Romanos 

Muitos líderes católicos romanos levam a sério a possível existência de alienígenas, e tendem a concordar que o ET é pecaminoso. No entanto, eles discordam sobre porque os extraterrestres são pecadores e divergem se eles deveriam participar da Missa Católica Romana caso algum deles pouse na Terra. No século 20, o padre jesuíta Pierre Teilhard de Chardin causou polêmica ao indicar que o pecado não chegou ao mundo com os erros de Adão e Eva, mas sim com criaturas de todo o Universo. 

Islamitas

Os muçulmanos não se surpreenderiam com as notícias de vida inteligente provinda de fora da Terra, especialmente se o ET for senciente – que percebe pelos sentidos. As escrituras islâmicas até sugerem que há formas de vida inteligentes que habitam outros mundos. O Corão afirma que todos os seres no universo servem a Allah, e que “toma conta de todos eles e os numerou exatamente. E cada um deles virá a Ele isoladamente no Dia do Juízo Final”.

Budistas

Os budistas veem o universo como infinito, antigo e cheio de seres vivos em todos os lugares. Dentro desta infinidade, a reencarnação permite que uma alma transmita para cima ou para baixo através dos múltiplos níveis dos seres vivos.

A própria existência do ET está embutida na cosmovisão budista e, portanto, uma presença alienígena não representaria um desafio aos seus princípios.