Notícias » Personagem

Em carta manuscrita, princesa Latifa pede que investigações sobre o sequestro da irmã sejam retomadas

A princesa Shamsa teria sido sequestrada após fugir de suas férias na Inglaterra, no ano 2000, afirma a jovem

Alana Sousa Publicado em 25/02/2021, às 11h30

Princesa Latifa em vídeo
Princesa Latifa em vídeo - Divulgação

O polêmico vídeo da princesa Latifa, filha do emir de Dubai, Mohammed bin Rashid Al Maktoum, ainda está repercutindo ao redor do mundo. Após a jovem afirmar em gravação que foi sequestrada pelo próprio pai e o Reino Unido se manifestar a favor da garota, o caso teve um novo desdobramento.

Em uma carta divulgada pela BBC, e repercutida pelo portal UOL, na manhã desta quinta-feira, 25, a princesa pede às autoridades do Reino Unido que voltem a investigar o sequestro de sua irmã, Shamsa, que ocorreu no ano 2000.

A irmã mais nova de Latifa teria fugido enquanto passava férias com a família na Inglaterra, sendo capturada cerca de dois anos depois. “Tudo o que eu peço é que, por favor, prestem atenção no caso dela, porque pode ajudá-la a recuperar a liberdade”, escreveu a mulher de 35 anos.

A carta manuscrita foi entregue à polícia de Cambridgeshire, ainda no documento, a princesa conta que sua irmã foi drogada e nunca mais foi vista. Ao receber a denúncia, a polícia alegou que não iria revelar detalhes da investigação, pois, “este é um assunto complexo e sério”.