Notícias » Arqueologia

Fazendeiro encontra tumba ‘altamente incomum’ em terreno na Irlanda

Arqueólogos acreditam que o túmulo considerado ‘intocado’ pode remontar à Idade do Bronze

Isabela Barreiros, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 20/04/2021, às 16h54

A tumba descoberta na Irlanda
A tumba descoberta na Irlanda - Divulgação/RTÉ Ireland

Durante um trabalho de recuperação de terras, um fazendeiro descobriu algo muito impressionante em seu terreno, localizado na Península de Dingle, na Irlanda. Como noticiou a RTÉ Ireland, ele se deparou com uma tumba muito antiga e curiosa.

O agricultor encontrou uma grande laje de pedra e a levantou, revelando a câmara funerária, e, mais tarde, uma sub-câmara que pode ser sua frente. Devido a descoberta única, ele convocou arqueólogos do Serviço de Monumentos Nacionais e do Museu Nacional da Irlanda.

“Dada a sua localização, orientação e a existência da grande laje, o seu pensamento inicial é que este é um túmulo da Idade do Bronze”, disse o arqueólogo Mícheál Ó Coileáin. “Mas o desenho desta tumba em particular não é como nenhum dos outros cemitérios da Idade do Bronze que temos aqui".

Crédito: Divulgação/RTÉ Ireland

 

Para os pesquisadores, essa é uma tumba “altamente incomum” devido a características que não estão presentes na maioria dos túmulos que remontam a esse período. Principalmente devido a esse motivo, os especialistas ainda estudarão o local para entendê-lo melhor.

"Esta tumba parece estar completamente intacta e em seu estado original e contém restos humanos”, disse o arqueólogo Breandán Ó Cíobháin. "Isso é muito raro. É um achado extremamente significativo, pois a estrutura original foi preservada e não sofreu interferência, como pode ter ocorrido no caso de outra tumba descoberta".

O especialista acredita ainda que a descoberta arqueológica pode trazer novas informações importantes sobre ritos funerários durante a pré-história, visto que a tumba encontrada apresenta características únicas, nunca antes vistas.