Notícias » EUA

Governo norte-americano executa Lisa Montgomery

Tornando-se a primeira mulher executada pelo governo federal em quase 70 anos, a criminosa estava presa desde 2004 por ter assassinado uma grávida e roubado seu bebê

Giovanna Gomes Publicado em 13/01/2021, às 06h46

Lisa Montgomery
Lisa Montgomery - Wikimedia Commons

O governo federal dos Estados Unidos, executou a primeira mulher em quase 70 anos nesta quarta-feira, 13. Lisa Montgomery, de 52 anos, estava presa havia 16 anos, em Indiana, por ter matado uma grávida e roubado seu bebê. A vítima era Bobbie Jo Stinnett, uma jovem de 23 anos que vivia no Missouri.

De acordo com o UOL, a execução estava marcada para ontem, 12, mas acabou sendo suspensa na segunda-feira devido a um pedido do advogado de defesa, que alegava que a condenada possuía problemas mentais.

"As informações apresentadas (...) contêm muitas provas de que o estado mental atual de Montgomery se afasta tanto da realidade que a impede de compreender racionalmente o motivo do governo para sua execução", disse James Hanlon

Segundo o G1, a criminosa foi morta com uma substância chamada pentobarbital. Ela teria batido os dedos nervosamente e fechado os olhos antes de receber a injeção no braço. Assim que a droga entrou em seu corpo, ela engasgou, e sua barriga mexeu. Pouco depois, à 1h31 (horário local), um funcionário constatou que não havia mais sinais de vida, após ter examinado a mulher com um estetoscópio.

O caso

No ano de 2004, Lisa entrou em contato com Bobbie a partir de um fórum sobre donos e criadores de cães de raça na internet. Assim, ela se aproximou da vítima, demonstrando interesse na compra de um animal. Ela disse que também estava grávida e passou a conversar com a jovem acerca de questões ligadas à gravidez. 

Um dia, ambas marcaram um encontro na casa da vítima para que Lisa comprasse um cachorro. Entretanto, tudo não passava de um pretexto para que que a assassina colocasse seu plano em ação. Ela matou a grávida, abriu sua barriga e roubou o bebê. A polícia conseguiu identificar a assassina a partir de um fio de cabelo que foi encontrado nas mãos de Bobbie e, desde então, Lisa se encontrava presa.