Notícias » Brasil

Moro condena massacre na Ucrânia e critica silêncio do Brasil

O ex-juiz da Operação Lava Jato se manifestou através das redes sociais

Redação Publicado em 04/04/2022, às 15h26

Sérgio Moro em 2015
Sérgio Moro em 2015 - Agência Brasil

O ex-ministro da Justiça Sergio Moro (União Brasil) usou as redes sociais na manhã desta segunda-feira, 4, para manifestar repúdio aos ataques russos na cidade de Bucha, na Ucrânia, onde corpos de civis se espalharam em valas e rodovias do município após o domínio de tropas russas.

Classificando a Rússia como “exército invasor”, ele ainda criticou a proximidade diplomática do país com o Brasil e supôs que as autoridades de Relações Exteriores se calam em meio aos relatos de cruéis atrocidades, acrescentando que o país precisa se posicionar em meio ao conturbado conflito internacional.

A opinião confronta a neutralidade buscada pelo Itamaraty, que auxilia refugiados ucranianos, mas não manifestou publicamente se faz questão de apoiar algum dos lados da guerra. O comentário do ex-ministro alcançou mais de 6 mil curtidas através de seu perfil oficial na rede social Twitter.