Notícias » Paleontologia

Nova família de peixes, com características primitivas, é encontrada na Índia

Semelhantes aos cabeça-de-cobra, são considerados verdadeiros 'fósseis vivos'

Giovanna Gomes Publicado em 14/10/2020, às 12h46

Novo peixe foi encontrado no ano passado
Novo peixe foi encontrado no ano passado - Museu de História Natural de Berga

No ano passado, uma nova espécie de peixe, Aenigmachanna gollum, foi encontrada na região dos Gates Ocidentais, localizada no oeste da Índia. Inicialmente, os especialistas pensavam que se tratava de um tipo de cabeça-de-cobra, mas segundo a Scientific reports, o animal que possui cerca de dez centímetros de comprimento, pertence a uma nova família.

A distinção foi feita porque os cientistas se depararam com diferenças entre o peixe encontrado e os cabeça-de-cobra da família Channidae. Segundo Lukas Rüber, curador de peixes do Museu de História Natural de Berna, as diferenças mais perceptíveis são "a bexiga natatória encurtada e a ausência do órgão respiratório, características que definem os cabeças-de-cobra”.

"As diferenças morfológicas e genéticas eram tão grandes que atribuímos Aenigmachanna gollum a uma nova família, os Aenigmachannidae", continua o biólogo.

Ainda para Rüber, "Parece plausível que os Aenigmachannidae sejam uma linhagem evolutiva que sobreviveu ao desmembramento do supercontinente Gondwana há cerca de 100 milhões de anos e, em seguida, derivou para o norte com o subcontinente indiano - portanto, os animais também podem ser chamados de 'fósseis vivos', pois ainda apresentavam muitas características primitivas".