Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Arqueologia

Turquia: Escavação próxima a santuário revela tumba de 2 mil anos

Escavações realizadas próximas ao santuário de Apollo Smintheus revelaram tumbas, sepulturas e outras estruturas com mais de 2 mil anos

Redação Publicado em 02/01/2024, às 18h01

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Imagem do templo dedicado a Apollo Smintheus, na Turquia - Reprodução/Flickr/Carole Raddato
Imagem do templo dedicado a Apollo Smintheus, na Turquia - Reprodução/Flickr/Carole Raddato

Na vila de Gülpınar, na cidade turca de Çanakkale, pesquisadores do Departamento de Arqueologia da Universidade Çanakkale Onsekiz Mart descobriram uma tumba de 2 mil anos datada do período romano. As escavações ocorreram próximo ao santuário Apollo Smintheus, em uma área que pertence à antiga cidade grega de Hamaxitus.

Estima-se que entre o século 8 ou 7 a.C., Hamaxitus foi colonizada pela primeira vez e, após a Revolta de Milene em 427 a.C., foi anexada por Atenas. A cidade se tornou um importante centro religioso com a construção do santuário e do Templo de Apollo Smintheus no século 150 a.C.

"Nosso objetivo não é apenas obter informações sobre as tradições de sepultamento de indivíduos e comunidades que existiram aqui, mas também contribuir para o delineamento da área de distribuição das estruturas sagradas ou, em outras palavras, determinar os limites da área sagrada", explicou Hüseyin Yaman, que participou da equipe de escavação, em uma entrevista ao jornal Daily Sabah. 

A escavação, que começou em 15 de junho e se estendeu até o último 1º de outubro, revelou sepultamentos de mais de 10 pessoas, entre adultos e crianças. Além disso, a escavação realizada em três pontos diferentes também se deparou com vestígios de duas tumbas e de outras estruturas.

Local histórico

Os especialistas estimam que a tumba foi encomendada por membros da elite romana, o que amplia o conhecimento sobre os sepultamentos romanos, e também lança luz sobre a influência exercida pelo santuário.

Com base nos artefatos encontrados no único cômodo que parece ter sobrevivido com alicerces intactos na tumba monumental, estimamos que sua origem seja de aproximadamente 2 mil anos atrás, por volta do primeiro século d.C.", disse Yaman em sua conversa ao Daily Sabah.

O santuário de Apollo Smintheus é tido como o segundo mais importante de Trôade, atrás apenas do templo de Atenas, em Troia. Ele foi construído em homenagem ao Apollo Smintheus, o "deus dos ratos".

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!