Curiosidades » Bizarro

A morte de Edward Archbold, o homem que venceu competição devorando baratas e vermes

Em setembro de 2012, Archbold participou de um concurso insólito que resultou na sua própria morta

Giovanna de Matteo Publicado em 30/09/2020, às 14h36

Imagem de Edward Archbold, divulgada pela TV Local 10
Imagem de Edward Archbold, divulgada pela TV Local 10 - Foto: Reprodução

No dia 5 de setembro de 2012, Edward Archbold participou de um concurso de comer coisas bizarras apelidado de "Loucura da Meia-Noite" em West Palm Beach, na Flórida, Estados Unidos. Segundo a TV Local 10, o homem comeu dezenas de baratas e vermes.

Com apenas 32 anos e concorrendo à um prêmio de uma cobra píton, o homem participou da competição estranha em Deerfield Beach. Apesar de ter conquistado a vitória, por ter comido mais de 20 insetos gigantes durante 4 minutos, a consequência se deu por maior.

O caso

De acordo com a delegacia do condado de Broward, Archbold começou a passar mal, sofrendo náuseas e tonturas após o fim da competição, e acabou desmaiado no local onde o evento ocorria, em frente à loja Ben Siegel Reptiles.

O homem foi levado ao hospital às pressas, mas chegando lá acabou sendo declarado morto. Todos os candidatos tiveram que assinar um documento declarando que estavam sóbrios, e que não tinham alergia a moluscos ou a baratas, além de um termo onde aceitavam comer as baratas, vermes e besouros.

Por esse motivo, o concurso bizarro - e nada comum - não se responsabilizou pela morte. Nenhum dos outros participantes teve problemas médicos após o evento.

Uma nota divulgada pelo advogado de Bien Siegal, dono da loja que promoveu a competição, declarou que “os participantes estavam inteiramente conscientes do que estavam fazendo e assumiam a responsabilidade pela participação no concurso nada convencional”.

O texto também afirmou que “o consumo de insetos é largamente aceito pelo mundo, e os insetos usados como parte do concurso foram retirados de um viveiro de insetos seguro e criado num ambiente controlado, onde eram usados como alimento para os répteis. O Sr. Siegel e sua equipe fizeram tudo que podiam para tentar socorrer o Sr. Archbold, e enviam os profundos sentimentos aos familiares dele."

Siegel afirmou ter ficado muito chocado e triste com a morte do participante, de quem era amigo: “Eddie era um bom rapaz. Todo mundo que trabalha aqui se dava muito bem com ele. Ele era o espírito da festa, e realmente fez a noite mais divertida”.


++Conheça mais recordes bizarros por meio de obras disponíveis na Amazon Brasil:

Os Melhores Recordes Mundiais De Esportes Bizarros (2020) - https://amzn.to/2Zt0t2m

Guinness World Records 2020 - https://amzn.to/2ZDj0td

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W