Curiosidades » Reino Unido

Elizabeth II gostava de Margareth Thatcher?

Apesar de monarcas precisarem estarem em constante comunicação com os primeiros-ministros, conversar com Thatcher não era uma das coisas preferidas da rainha

Giovanna de Matteo Publicado em 11/11/2020, às 17h00 - Atualizado às 20h00

Margareth Thatcher (à esq.) e a rainha Elizabeth II (à dir.)
Margareth Thatcher (à esq.) e a rainha Elizabeth II (à dir.) - Wikimedia Commons/Getty Images

Elizabeth IIficou no trono britânico por sete décadas, tendo o reinado mais longo da história do país, e acompanhou mais de 20 mandatos de primeiros-ministros do Reino Unido. Uma delas foi Margareth Thatcher, uma das líderes britânicas mais polêmicas que a Rainha teve que lidar.

A relação das duas vai ser explorada na nova temporada de The Crown, que estreia na Netflix em 15 de novembro. 

Margaret Thatcher (Gillian Anderson) em The Crow (2020) / Crédito: Divulgação/ Netflix

 

Elizabeth II, assim como outros monarcas, costumam trabalhar em conjunto com o governo vigente. Eles tem a responsabilidade de consentirem com as políticas que deverão ser implantadas, e por isso eles estão em constante comunicação com os primeiros-ministros.

Mas para a rainha, conversar com Thatcher não era uma de suas coisas preferidas. De acordo com o jornalista Kenneth Rose, ela não se dava muito bem com a primeira-ministra.

Quando Rose trabalhou dentro do círculo real, ele notou alguns episódios que comprovaram o fato da monarca parecer um pouco mais rude do que de costume quando se referia à "Dama de Ferro".

A primeira vez que ele reparou esse comportamento foi quando em um jantar com Jean Barker, em 18 de setembro de 1985, a Baronesa Trumpington relembrou um comentário um tanto indelicado que a Rainha disse sobre Thatcher. "Ela fica muito tempo e fala muito. Ela viveu muito tempo entre os homens", foi a opinião dela.

A monarca Elizabeth II, em 2015 / Crédito: Wikimedia Commons

 

A outra ocasião aconteceu em um encontrou com o filósofo Isaiah Berlin, que acabou descobrindo que a monarca preferia evitá-la o máximo possível. Em um post de 1° de junho de 1997, Rose escreveu que, em uma conversa com o intelectual, Thatcher acabou revelando que a rainha tinha um certo desgosto por ela.

"A rainha tem o cuidado de nunca revelar o que pensa de cada um, embora seja do conhecimento geral que ela e Margaret Thatcher discordavam profundamente sobre a importância da comunidade. Isaiah agora tem uma importante prova."

As duas figuras teriam ido à uma festa de gala em Covent Garden, e a rainha fez questão de se sentar bem longe de Thatcher. "No intervalo, a rainha fez saber que não queria conhecer a Sra. Thatcher - que fora enviada para um aposento superior para tomar uma bebida, como o foi Isaiah.", disse o jornalista.

Depois disso, a primeira-ministra indicou ao filósofo que gostaria de se despedir de Elizabeth II, mas a monarca teria negado o pedido. De qualquer modo, a Rainha nunca fez comentários ríspidos sobre Thatcher em público, e escondeu o seu "relacionamento gelado" que tinha com ela.


+Saiba mais sobre a família real por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Diana. O Último Amor de Uma Princesa, de Kate Snell (2013) - https://amzn.to/2TgHgPO

The Queen: The Life and Times of Elizabeth II (Edição Inglês), de Catherine Ryan (2018) - https://amzn.to/2RhgNA7

God save the queen - O imaginário da realeza britânica na mídia, de Almeida Vieira e Silva Renato (2015) - https://amzn.to/2xTkiGd

O Amor Da Princesa Diana, de Anna Pasternack (2018) - https://amzn.to/2xOZ8c9

A história do século XX, de Martin Gilbert (2017) - https://amzn.to/2yFZMcv

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7