Coronavírus » Pandemia

Edir Macedo apaga vídeo onde afirma que coronavírus é "tática do Satanás"

O conteúdo teria sido excluído após o grande número de compartilhamentos em grupos do WhatsApp

Daniela Bazi Publicado em 16/03/2020, às 17h52

Edir Macedo, bispo da Igreja Universal do Reino de Deus
Edir Macedo, bispo da Igreja Universal do Reino de Deus - Wikimedia Commons

O vídeo publicado pelo bispo Edir Macedo em suas redes sociais durante uma transmissão ao vivo feita na última quarta-feira, 11, onde foi afirmado que o coronavírus seria uma estratégia da mídia e de Satanás para induzir o pânico, foi retirado das plataformas digitais. 

De acordo com uma nota enviada à Folha de São Paulo nesta segunda-feira, 16, a decisão foi tomada após os inúmeros compartilhamentos em grupos no WhatsApp, e o conteúdo teria sido excluído "assim que se constatou que o especialista da Unifesp [o patologista Ben Schmidt] havia excluído o depoimento que publicara no Youtube".

Macedo teria atribuído a histeria da população a uma mídia manipuladora, que divulga informações falsas com falas de Ben Schmidt, e afirmou que o Covid-19 não causa gripe e não é mortal. 

No vídeo, o bispo da Igreja Universal do Reino de Deus teria dito "Meu amigo e minha amiga, não se preocupe com o coronavírus. Porque essa é a tática, ou mais uma tática, de Satanás. Satanás trabalha com o medo, o pavor. Trabalha com a dúvida. E quando as pessoas ficam apavoradas, com medo, em dúvida, as pessoas ficam fracas, débeis e suscetíveis. Qualquer ventinho que tiver é uma pneumonia para elas".