Coronavírus » Brasil

Infecções por Covid triplicam no Rio na última semana do ano

Testes positivos no Brasil também aumentaram consideravelmente nos últimos dias de 2021

Fabio Previdelli Publicado em 03/01/2022, às 14h00

Imagem meramente ilustrativa
Imagem meramente ilustrativa - Divulgação/ Pixabay

Apesar das tradicionais festas de Réveillon terem sido canceladas em diversas cidades brasileiras, as celebrações de final de ano, ainda assim, parecem ter contribuído para o aumento do número de infecções da Covid-19

Para se ter uma ideia, na semana anterior ao Natal, a cidade do Rio de Janeiro havia registrado 132 testes positivos para a enfermidade. Nos últimos sete dias do ano, porém, o número praticamente triplicou: foram 386 contaminados. 

Os dados são do Painel Covid-19, mantido pela prefeitura do Rio, que aponta que os 386 casos representam 6% dos testes feitos no município entre os dias 24 e 31 de dezembro. Segundo matéria publicada pelo UOL, atendentes de farmácias e de postos de saúde da rede municipal alertaram que “a ômicron chegou” na Cidade Maravilhosa. 

Uma matéria publicada pela Folha de S. Paulo no último domingo, 2, apontou que o número de resultados positivos em testes rápidos feitos em farmácias também aumentou, conforme levantamento feito pela Abrafarma, que abrange mais de 3 mil farmácias em todo o país. 

Desta forma, os 524 casos positivos de 1º de dezembro, quando 10 mil testes foram feitos, saltou para 5.334 em 29 de dezembro, quando 31.332 exames foram realizados.

Os números fizeram com que o prefeito Eduardo Paes ressaltasse a importância da imunização e das medidas de prevenção. "Pedimos que quem ainda não se vacinou, o faça o mais rápido possível. Quem for se reunir, opte por lugares abertos, se comparecer a reuniões ou encontros em locais fechados, façam o teste antes e usem máscara", disse.