Notícias » Família Real Britânica

Biógrafa acredita que Charles e William enfrentem problemas após a morte da rainha

Pai e filho são os primeiros da lista para sucessão do trono britânico

Penélope Coelho Publicado em 30/11/2021, às 11h20

Charles e William, em 2021
Charles e William, em 2021 - Getty Images

Em recente entrevista para o portal Newsweek, a biógrafa inglesa Penny Junor, especialista na família real britânica, deu seu parecer sobre o que acredita que se tornará um problema para a monarquia no futuro, quando a rainha Elizabeth II, de 95 anos, falecer.

Segundo a jornalista, a relação entre o príncipe Charles e seu filho mais velho, William — respectivamente primeiro e segundo na linha de sucessão ao trono — pode ser afetada até que se ajustem aos seus novos papéis, quando o príncipe de Gales se tornar rei.

De acordo com informações publicadas pelo portal da revista Caras Portugal no último final de semana, a maior preocupação da escritora diz respeito a diferença de popularidade entre pai e filho, segundo pesquisas, William tem maior aprovação entre os súditos.

Acho que será sempre um pouco difícil. Eles são duas pessoas que têm um trabalho semelhante. Como todos os pais e filhos, acho que há sempre um pouco de competitividade, o homem mais velho não quer afastar-se e deixar o mais jovem ficar com a coroa”, afirmou Penny.

Apesar de dizer que acredita que “sempre irão existir alguns problemas” entre eles, Junor afirma que Charles e Williamestão “mais próximos do que antes”.