Matérias » Personagem

Filho relembra os momentos finais de John Lennon

Julian Lennon relembra os últimos momentos e relação com John

Vinicius Barbosa, supervisionado por Thiago Lincolins Publicado em 08/04/2021, às 16h56

Julian Lennon em tapete vermelho de gala
Julian Lennon em tapete vermelho de gala - Getty Images

No aniversário de 58 anos de Julian Lennon nesta quinta (8), o filho do astro John Lennon relembrou os últimos momentos com o pai e o que sentia sobre seu estado emocional. A informação é do Express e foi repercutida pela Rolling Stone Brasil

Homenagem de fãs para falecido John Lennon

 

Julian tinha 17 anos quando o pai faleceu, em 8 de dezembro de 1980 em Nova York. A relação, principalmente na infância, foi marcada por episódios negativos.

John conheceu seu filho apenas três dias após o nascimento, e suas primeiras palavras foram "Quem vai ser um roqueiro famoso como o pai?". Além disso, Julian chamava seu pai de "hipócrita" por defender a paz, o amor mas destruir a própria família.

Porém com o passar dos anos essa imagem foi se desfazendo , Julian percebeu que guardar rancor sobre sua relação com John geraria uma nuvem de raiva e amargura para o resto de sua vida.

Com o passar do tempo, passou até mesmo a comparecer a eventos sobre os ex—Beatles, com a mãe Cynthia Powell. Na época de sua morte, John lançava o álbum Double Fantasy, e ambos se mostravam felizes e animados ao telefone.

Julian disse "Estávamos nos dando bem e falando muito mais ao telefone, sabe, quando eu tinha 15, 16 e 17 anos" em entrevista à BBC Radio. "Lembro-me de morar no Norte de Gales na época, passei seis meses ou um ano internado e finalmente voltei para casa. Eu morava na casa da minha mãe." e prosseguiu "Também recordo do meu pai tocar 'Starting Over' no telefone, acabara de mixar. Absolutamente adorei."

Quando John mostrou Double Fantasy à Julian, o jovem havia amado a produção: "Só me lembro disso como sendo o último tipo de momento, ouvi-lo extremamente feliz em um lugar alegre. Fiquei muito feliz e ansioso para vê-lo novamente. Enfim, apenas em outra dimensão..."

 Julian ainda chegou passou por momentos complicados após o falecimento do pai. Em entrevista ao The Telegraph em 1998, contou que se sentiu diminuído, após John relatar seu outro filho e meio-irmão, Sean, como principal herdeiro da fortuna.

Relações entre pais e filhos em geral são complicadas, principalmente sendo filho de um (talvez o maior) rock star e por trás de toda história de sucesso e fama existe um lado ocultado, onde Julian relembra ambos os momentos negativos e positivos.