Coronavírus » Rússia

Covid-19: Centro de treinamento de cosmonautas russo passa por vacinação em massa

A ideia é garantir que o cronograma da instituição siga normalmente, apesar da segunda onda do Coronavírus no país

Pamela Malva Publicado em 13/01/2021, às 12h30

Imagem meramente ilustrativa de pessoa sendo vacinada
Imagem meramente ilustrativa de pessoa sendo vacinada - Divulgação

Localizado na Cidade das Estrelas, na Rússia, o centro de treinamento de cosmonautas anunciou uma campanha de vacinação em massa contra o Coronavírus. O objetivo, segundo a instituição, é continuar com as missões planejadas para os próximos meses.

"O treinamento continua e priorizamos a vacinação dos funcionários em contato permanente com as tripulações que se preparam para a missão", explicou a assessoria do órgão, quando questionada pela agência de notícias AFP, via UOL.

Sendo assim, cerca de 40 dos quase 1.500 funcionários do Centro de Treinamento Yuri Gagarin já receberam a primeira dose da vacina Sputnik V, desenvolvida na Rússia. Muitos dos cosmonautas, inclusive, foram imunizados já em dezembro de 2020.

Imagem meramente ilustrativa de vacina / Crédito: Divulgação

 

Programada para abril, a próxima missão espacial sairá do cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão. Escalados para a decolagem, Oleg Novitsky e Pyotr Dubrov já foram vacinados, enquanto o terceiro tripulante, Sergei Korsakov, ainda deve receber sua dose. 

Atualmente, a Rússia enfrenta uma segunda onda do Coronavírus. De acordo com o Fundo Soberano da Rússia, que financiou o desenvolvimento da Sputnik V, contudo, mais de um milhão de pessoas já foram imunizadas no país desde o início da campanha.