Coronavírus » Brasil

Empresária de Claudia Rodrigues revela que atriz passa por um drama: ‘Poderia ocorrer o óbito’

Atriz que sofre de esclerose múltipla teve um grande problema em relação a vacina da covid-19. Entenda!

Redação Publicado em 17/07/2021, às 08h36

A atriz Claudia Rodrigues
A atriz Claudia Rodrigues - Divulgação/Instagram/claudia_rodrigues_oficial

Na última quinta-feira, 15, Adriane Bonato, empresária de Claudia Rodrigues, fez um desabafo nas redes sociais falando um pouco mais sobre o estado de saúde da atriz, que sofre de esclerose múltipla, e das dificuldades que ela teve de passar por conta da vacina da covid-19.  

Conforme explica matéria da ContigoBonato diz que a atriz teve que interromper o tratamento contra a esclerose para poder tomar a primeira dose do imunizante. "Ela não poderia tomar a medicação no meio, porque a gente não sabe os efeitos, poderia até ocorrer o óbito". 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Atriz Claudia Rodrigues (@claudia_rodrigues_oficial)

 

Entretanto, isso fez com que Rodrigues apresentasse uma piora em seu quadro médico. "O que ela tá tendo é um aviso de um possível surto", explica a empresária, que ainda conta que o surto poderia causar “consequências trágicas”. 

Mesmo assim, explica Adriane, foi decidido que a atriz receberá o imunizante mesmo que isso possa significar um grande risco — podendo ocasionar, inclusive, sua morte, diz a Contigo.  

Falando em Vacinas, Bonato reclamou sobre a maneira que o imunizante da Pfizer está sendo administrado, já que em sua bula diz que o período mínimo para aplicação da segunda dose é 21. Porém, no Brasil, ela está sendo aplicada com um intervalo e três meses. "Se tivessem escolhido três semanas, ela já tava imunizada e não tava passando por nada disso".