Coronavírus » Pandemia

Sarney ataca Jair Bolsonaro após pronunciamento sobre pandemia do coronavírus

"É difícil e impossível compreender que o Presidente da República, tão bem assessorado, ignore essa verdade científica", afirmou o ex-presidente em seu site oficial

Redação Publicado em 27/03/2020, às 07h00

Os presidentes José Sarney e Jair Bolsonaro
Os presidentes José Sarney e Jair Bolsonaro - Wikimedia Commons/Getty Images

Após as declarações de Jair Bolsonaro sobre a pandemia do novo coronavírus no Brasil, o ex-presidente José Sarney soltou um comunicado em seu site criticando o atual presidente da república, onde relata que "Sem a vida humana nada se compra nem se vende".

Sarney completa dizendo "É difícil e impossível compreender que o Presidente da República, tão bem assessorado, ignore essa verdade científica. É hora de harmonizar a nação, evitar conflitos e buscar a paz social. Para essa tarefa é insubstituível o Presidente da República. A discórdia e a dissensão em nada ajudam o País".

Em pronunciamento, exibido em rede nacional na última terça-feira, 24, o presidente Jair Bolsonaro solicitou que os estados e a população cooperem para a reabertura do comércio, escolas e o fim do que chamou de “confinamento em massa”, referindo-se a quarentena.

Sarney também afirmou que o Covid-19 é uma ameaça para o futuro da humanidade, ameaçando não somente as nações, mas também o ser humano. "A visão dos cientistas é unanime de que foram elas as responsáveis pelo desaparecimento de muitas espécies", comentou. 

Ao redor do mundo, já são mais de meio milhão de casos confirmados, com 23 mil mortes confirmadas pelo novo coronavírus. O Brasil apresenta mais de 2,5 mil infectados pelo vírus e mais de 60 mortos, até o momento.